"Não há pessoas nem sociedades livres, sem liberdade de expressão e de imprensa”.

ULTIMAS NOTÍCIAS
Carregando...

COLUNA UM OLHAR LITERÁRIO DE BURITI: Igor Aguiar, o Mais Jovem Escritor de Buriti

       O blog iniciou no dia 17 de março deste ano, esta série especial, onde são publicados textos sobre a vida de poetas, escritores, críticas de livros referentes à Buriti de Inácia Vaz, através do escritor e poeta Francisco Carlos Machado, autor de sete livros já publicados.
       Na COLUNA UM OLHAR LITERÁRIO de hoje, domingo 9/6, você vai conhecer é um dos mais jovens, talentosos e profícuos poetas de Buriti. Veja abaixo.

IGOR AGUIAR, O MAIS JOVEM ESCRITOR DE BURITI

*Por Francisco Carlos Machado

Francisco Igor dos Santos Aguiar nasceu em Buriti em 28 de outubro de 1994.  Dentre os jovens poetas e escritores da região Morros Garapenses é um dos mais talentosos e profícuos.   Sua vocação para as letras se revelou cedo, motivado e revelado, principalmente, dentro do ambiente escolar, no qual desde criança sempre gostou de frequentar. Ele “chegava a chorar quando menino nos dias que era impedido de ir pra escola”, nos revelou seus pais, a professora Maria da Conceição Aguiar e o agricultor familiar Arinaldo Pereira.
Logo a aprender a ler e pela vocação nata para as letras e literatura, Igor Aguiar foi mergulhando e se encantando com o mundo dos livros, passando horas trancado lendo e estudando, surgindo assim seus primeiros versos. Neste tempo, Buriti como cidade pequena que não possuía jornal; os escritores locais viviam em anonimato e não possuíam agremiação social literária, nem tão pouca a revolução democrática da internet e redes sociais haviam chegado ao local, os escritos de Igor ficavam só para ele.  Até quer, aos 12 anos, em 2006, na escola Carmem Costa, motivado pela professora Maria do Carmo, a popular Biá, conhecedora da sua inclinação para a escrita, ele é estimulado escrever uma peça teatral, chamada “A Riqueza e Ambição”, no qual ele além de autor e diretor, também encenou. Foi assim nesta e em outras peças escritas por ele, todas apresentadas na escola.  
Quando a AMIB organizou o Festival de Poesia de Buriti, Igor começou participar, sendo classificado e ganhando prêmios, ora pela boa qualidade do poema, ora pelas bonitas performances que interpretava seus textos. Em 2012 ele foi classificado na 2º edição do Festival; sendo premiado no Festival de 2014 com o poema “Manifesto”, uma crítica social contra o espírito de não participação social tanto do povo como da juventude para alcançar mudanças precisas; em 2016, com o poema “Curto, Comento e Compartilho”, ele ganhou o 1 º lugar na categoria juvenil no Festival de Poesia de Buriti, fato que sucedeu em 2018, com outro belo poema “Ei, garota! ”, no qual ficou em 2º Lugar no V FEBUP. Tendo assim viabilidade na cidade de Buriti como um talentoso autor de peças teatrais escolares e poeta premiado do maior festival da cidade – que vivendo novos tempos através de ONGs e das escolas estimulando com mais dinamismo seus talentos literários - Igor Aguiar, em 2017, através do site Clube de Autores, publica, aos 22 anos, o romance “Libertação”, cujo cenário ambientado em Buriti, envolve três amigos do 2º ano do ensino médio, discutindo temas como amizade, amor, cleptomania, homofobia e outros dilemas que envolvem os jovens. Com a obra publicada nacionalmente ele se tornou nosso primeiro romancista que produziu um livro deste gênero vivendo ainda em Buriti.
Em 2018 após a conclusão de sua graduação em Administração pela UEMA, campus Coelho Neto, ele passou para jornalismo na UFMA, campus de Imperatriz, onde atualmente reside, continuando produzindo e tendo diversos projetos e sonhos pessoais e literários em construção.

Alegria que vem com as gotas

Estalos de chuva no teto da casa
Sinto leve alegria
O cheiro do chão molhado
Desperta em mim bela sintonia

Aconchego-me nos cobertores
criarei  sonhos impossíveis.
Mergulharei nesse momento
em mundos criados por pensamentos.

Aqui dentro tudo está bem
Sinto-me protegido
Não quero sair pra fora
Viva aqui uma realidade eufórica.

Essas gotas d’água são ricas
Trazem vida a minha terra
A grama antes seca e degradada
Agora está verde e iluminada

Essa chuva dança num bom ritmo
Cria novos horizontes
Sim, tudo está renovado
Para mim e para todo o povo

SOBRE O AUTOR

0 COMENTÁRIOS:

Postar um comentário

O COMENTÁRIO NÃO REPRESENTA A OPINIÃO DO BLOG; A RESPONSABILIDADE É DO AUTOR DA MENSAGEM. OFENSAS PESSOAIS, MENSAGENS PRECONCEITUOSAS, OU QUE INCITEM O ÓDIO E A VIOLÊNCIA, OU AINDA ACUSAÇÕES LEVIANAS NÃO SERÃO ACEITAS. O OBJETIVO DO PAINEL DE COMENTÁRIOS É PROMOVER O DEBATE MAIS LIVRE POSSÍVEL, RESPEITANDO O MÍNIMO DE BOM SENSO E CIVILIDADE.

Postagens populares

Postagens mais visitadas

Seguidores

CORREIO TV

Arquivos do blog