"Não há pessoas nem sociedades livres, sem liberdade de expressão e de imprensa”.

(1º Princípio da Declaração de Chapultepec)

Visualizações desde 31 de Julho de 2009

Conferência de Mulheres da Assembleia de Deus em Buriti-MA

COMO VOCÊ AVALIA OS 100 PRIMEIROS DIAS DA GESTÃO NALDO BATISTA?

IMPOSTOS MUNICIPAIS ARRECADADOS PARA BURITI-MA

Charles Crispim na Balada Fight - Edição Tatto

quinta-feira, 28 de julho de 2011

0

Maranhense revela escravidão a qual estava submetido no estado do Pará - onde homens valem menos que bois.

Compartilhe:

Print Friendly and PDF


“Não, a gente não pagava. A gente só trabalha mesmo para comer. Lá, realmente, é uma escravidão muito séria, igual aquelas das antigas. Sabe como é? A gente trabalha para pagar o que come lá.”

“A cantina é dentro da sede mesmo. Um dia morreu uma vaca, às 8 horas da manhã, engatada no arame. Quando o vaqueiro achou, era 6 horas da tarde, e urubu já tinha furado a vaca. Aí ela (a dona da fazenda) mandou limpar e vender a carne toda para os que pegaram serviço. A vaca tava empazinada já. Uns 15 ou 20 dias, foram pegar um gado, e aí quebrou um boi. Quebrou um boi e passaram três dias lá dentro do pasto com o boi quebrado. Com três dias o boi morreu. Ela fez o mesmo, mandou limpar e vender de novo.”

Leia a entrevista no site da revista Carta Capital clicando aqui.

terça-feira, 26 de julho de 2011

2

ZUCA REALIZA CHURRASCO NA REGIÃO DO BURITIZINHO

Compartilhe:

Print Friendly and PDF


José Marques Viana, o ZUCA, e família realizaram um churrasco na região do Buritizinho no dia 25 de julho, sob o som de Saulo – o fenômeno dos teclados. Este redator-chefe, a convite do próprio Zuca, participou do evento, conversando com os convidados e amigos, e conhecendo o trabalho de preservação da região que é de propriedade da Família Viana. Estiveram presentes figuras políticas conhecidas como o ex-vereador Capoeiro, Rogério Viana (irmão de Zuca e candidato da coligação PPS/PSL mais votado na última eleição), Tonho da Janoca e o petista Jesus. Entre convidados e amigos no evento, esteve também a família Borges.
O Correio Buritiense conversou com Rogério Viana que apontou a importância de preservar a área do Buritizinho destacando que “a preservação do meio ambiente, em especial as fontes de água doce, constitui a única possibilidade de garantir a vida de nossos filhos, netos, bisnetos, e gerações vindouras”.
De acordo com o Zuca “não se pode descuidar nem um minuto da questão da água, como vem ocorrendo na chapada, primeiro porque a água é um patrimônio universal, e como tal temos de lutar juntos de todas as formas possíveis e imagináveis pela preservação da água potável que nos resta, daí surgiu a escolha do Buritizinho como local para realização do churrasco para que as pessoas pudessem ver como estamos empenhados nessa causa”.
Abaixo fotos do evento:






















domingo, 24 de julho de 2011

1

Operação da Polícia Civil prende mais um envolvido em tráfico de drogas em Buriti

Compartilhe:

Print Friendly and PDF



Em continuidade às ações operacionais que foram deflagradas na última sexta-feira (22), que resultou na prisão de seis pessoas por tráfico de drogas, a Polícia Civil, com o apoio da Polícia Militar de Buriti, prendeu na noite de sábado (23) mais um acusado de vender entorpecente naquela cidade.
Fábio Bastos, conhecido como Ronca, foi preso em uma Praça no centro do município. Várias denúncias indicavam que Ronca estaria vendendo drogas na Praça do Estudante, no centro de Buriti. Em posse das informações, equipes policiais se dirigiram até o local e confirmaram a veracidade das denúncias.
Fábio foi preso com 50 gramas de maconha em trouxinhas prontas para serem revendidas e R$ 58,00 em dinheiro.
Fábio Bastos foi levado para a delegacia de Buriti, onde o delegado Leonardo Soares lavrou o flagrante. Ele permanece detido à disposição da Justiça.
Extraído do imirante.com

sábado, 23 de julho de 2011

0

Juçaral Bar comemora os 10 anos da tradicional seresta nos festejos de Buriti

Compartilhe:

Print Friendly and PDF


Ocorreu no dia 22/07 a 10ª Seresta do Juçaral Bar, que é realizada todos os anos no período de julho sob o comando de Geovane.
A festa foi animada com os sons do Skema 7 e da banda Tira-Roupa, de Anapurus – MA.
Após algumas horas de show, houve uma pausa para os parabéns e para partilha do bolo comemorativo doa 10 anos de tradição e sucesso da seresta.
O clima era de muita diversão, descontração e muita emoção no momento dos parabéns.
Teve até troféus para torcidas do Flamengo e Palmeiras.

Veja abaixo as fotos tiradas pelo redator-chefe do Correio Buritiense
CUIDADO COM O GAGAU!!!
Oficial Zé Ernandes e sua esposa.

Geovane ouvindo os parabéns na voz de Umberto do Skema 7


Alex Borges,editor do Correio e sua esposa Técia.

À esquerda, o são paulino Marconi

De boné, Chico Bila, o homem que fuça muito.

Rogério e sua esposa


Ao fundo,em destaque, Josué da Líder Informática.

Á direita, ex-conselheiro Adílio Gomes

Assista aos vídeos dos melhores momentos das bandas: 


Parabéns na voz de Umberto do Skema 7
video


Saulo - O fenômeno dos teclados
video


Paulinha e Wesley do Skema 7

1
Compartilhe:

Print Friendly and PDF


OPERAÇÃO NO POEIRÃO: POLÍCIAS CIVIL E MILITAR APREENDERAM 140 PEDRAS DE CRACK NO BAIRRO BACURI E CONDUZIRAM 12 PESSOAS EM FLAGRANTE POR TRÁFICO DE DROGA EM BURITI
                        Na manhã de sexta-feira (22/07) as polícias civil e militar de Buriti, com o apoio do Serviço de Inteligência da 4ª CIPM e Policias Civis da Regional de Chapadinha – MA, sob os comandos do delegado de Polícia Civil de Buriti, Dr Leonardo Soares Bezerra, e do Sargento Florismar, da Polícia Militar, cumpriram Mandados de busca e apreensão, expedidos pelo juiz substituto da Comarca de Buriti, Dr Cristiano Simas de Sousa.
A operação ocorreu no Poeirão, bairro Bacuri, na residência dos acusados, que já vinham sendo investigados há 05 meses, de acordo com o Sargento Florismar. No momento da ação foram encontrados, em posse dos autuados em flagrantes, cerca de 140 pedras de crack prontas para comercialização, uma pedra de aproximadamente 500 gramas de crack (ainda não refinada), 540g de Maconha e uma balança de precisão digital. Além das drogas, foram levados para delegacia de Buriti 04 celulares, 04 motocicletas, geladeira, aparelho de som, fogão e uma TV.
Entre os Mandados haviam  cinco de Busca Domiciliar e quatro de Apreensão. No total, 12 pessoas foram conduzidas para delegacia de Buriti, cinco autuadas por tráfico e associação para o tráfico, uma prisão temporária, três menores e mais três pessoas detidos para averiguação. São elas: Francisco Erison de Carvalho Santos (Herisinho); Francisco Jairon Oliveira da Silva (Prefeito), 25 anos; Teodorico Monteiro Ferreira (Neto), 24, de Teresina-PI (responde por assalto na cidade de, Francisco Wellington de Carvalho Santos (Tonta), 23 anos; Orlamar Lira da Silva (vulgo Bar), 32 anos; Danilo Alves Cardoso, 31 anos; Raimundo Nonato Oliveira da Silva (Nonatinho), 23 anos; Maria Dalrimar Oliveira da Silva, 18 anos; Maria Luciana Teixeira do Nascimento, 20 anos; além dos três menores.
Abaixo, fotos da apreensão: 



quarta-feira, 20 de julho de 2011

0
Compartilhe:

Print Friendly and PDF


TÓPICO FRASAL
“Sempre escolha o mais difícil. O companheiro mais difícil, o livro mais difícil, a escola mais difícil, enfim, o caminho mais difícil. No final das contas, você dará mais valor às coisas que conquistar, sendo que estas estarão em maior número comparado ao caminho fácil.”

segunda-feira, 18 de julho de 2011

0

SELEÇÃO BRASILEIRA NÃO FAZ GOLS, PERDE QUATRO PÊNALTIS E DÁ VEXAME NA COPA AMÉRICA.

Compartilhe:

Print Friendly and PDF



Brasil erra todos os pênaltis e cai diante do Paraguai na Copa América
Quatro pênaltis, todos perdidos. Exatos 17 anos depois de ser campeão do mundo exatamente nos pênaltis, o Brasil foi eliminado pelo Paraguai da Copa América, neste domingo à tarde, em La Plata. Depois de um empate em 0 a 0 em 120 minutos, em que o time brasileiro foi melhor praticamente o tempo todo, falou mais alto o nervosismo brasileiro. Elano, Thiago Silva, André Santos e Fred. Todos bateram toscamente - Villar só precisou defender a cobrança do zagueiro. Vitória paraguaia por 2 a 0. (Clique aqui para ler mais)

domingo, 17 de julho de 2011

0

ZOOM - FESTEJOS DE BURITI

Compartilhe:

Print Friendly and PDF



sexta-feira, 15 de julho de 2011

0

MINISTÉRIO AMPLIA TRANSPARÊNCIA E CONTROLE SOBRE REPASSES FEDERAIS AOS MUNICÍPIOS

Compartilhe:

Print Friendly and PDF


O Ministério da Saúde ampliou o controle e a transparência dos repasses de recursos federais aos municípios, por meio dos fundos de saúde. Com decreto presidencial publicado no dia 27/06/2011, no Diário Oficial da União, os municípios só poderão receber verbas através de contas específicas para a saúde e terão de movimentar o dinheiro apenas por meios eletrônicos. As mudanças entram em vigor em 60 dias.
“Estamos adotando todas as medidas para garantir que todo o dinheiro repassado pelo Governo Federal aos municípios seja empregado integralmente na saúde, garantindo maior transparência na movimentação dos recursos”, afirma o ministro da Saúde, Alexandre Padilha. Ele destaca a importância do controle social para o aperfeiçoamento do Sistema Único de Saúde (SUS).
As novas regras permitirão um monitoramento mais claro e eficaz sobre os investimentos em saúde realizados com verbas federais, fornecendo aos órgãos de controle uma base de dados que ampliará a transparência.
O decreto veta o saque em espécie, “na boca do caixa”, das transferências federais. Para efetuar pagamentos, as prefeituras terão de fazer depósito direto nas contas de seus fornecedores e prestadores de serviços, em contas em que estes sejam os titulares.
O pagamento em dinheiro, até o teto de R$ 800, poderá ser feito a pessoas físicas apenas em situações excepcionais, que terão de ser justificadas na prestação de contas. Nestes casos, que deverão respeitar o limite anual de R$ 8 mil, a prefeitura tem de apresentar identificação do beneficiário.
FUNDOS MUNICIPAIS – Em paralelo ao maior controle nos repasses, o Ministério da Saúde está acompanhando a constituição e a regularização dos fundos municipais, cujo prazo se encerra em 30 de junho. Até agora, 261 municípios de 19 estados - o equivalente a 4,7% das cidades - ainda não adequaram o funcionamento de seus fundos de saúde, que precisam ter número de CNPJ (Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica) específico.
As novas regras foram acordadas há dois anos entre o Ministério da Saúde, o Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass) e o Conselho Nacional dos Secretários Municipais de Saúde (Conasems).
A partir de julho só serão realizados repasses federais diretos às prefeituras cujos fundos estejam regulares. Para evitar interrupção no atendimento à população destas cidades, os recursos do Ministério da Saúde serão enviados aos fundos estaduais, que ficam responsáveis pela administração dos serviços nesses locais.
Para orientar e apoiar os municípios na transição para o novo modelo, técnicos do ministério da Saúde entraram em contato com todos os gestores, alertando-os, inclusive, para o prazo de adesão. A data havia sido definida na Reunião Ordinária da Comissão de Intergestores Tripartite de abril.
O contato com os gestores elevou o percentual de adesão dos fundos municipais de 84,88% em dezembro do ano passado para 95,1% até esta a última sexta-feira (24), com a regularização de 568 municípios.
A ação faz parte do projeto “Apoio à Gestão e Organização de Fundos de Saúde”, que consiste em cooperar e orientar os gestores do SUS no processo de estruturação e organização dos fundos.
MAIS TRANSPARÊNCIA NO SUS – Desde janeiro, o Ministério da Saúde tem adotado uma série de medidas para ampliar os mecanismos de controle e a transparência no SUS.
Gestores municipais têm sido convocados a atualizar as informações do Cadastro Nacional de Estabelecimentos de Saúde (CNES), que ganhou regras mais rígidas sobre a contratação de profissionais. Desde abril, o cadastro não aceita que o mesmo profissional, conforme determina a constituição, ocupe mais que dois empregos públicos. Caso o trabalhador esteja vinculado a mais de cinco estabelecimentos não-públicos, o gestor terá de apresentar justificativa e comprovar o cumprimento da carga horária remunerada pela rede pública.
Também em abril, foi lançada ferramenta virtual de acompanhamento dos repasses feitos pelo ministério aos estados e municípios, à disposição de toda a sociedade no Portal Saúde (www.saude.gov.br).
Em parceria com a Controladoria Geral da União (CGU), foi criado um grupo de trabalho dentro do Ministério para aperfeiçoar os mecanismos de transparência e controle dos repasses federais.
Fonte:   MS – 28/junho/2011

quinta-feira, 14 de julho de 2011

3

TCE desaprova contas de prefeitos e de Câmaras Municipais

Compartilhe:

Print Friendly and PDF



O Tribunal de Contas do Estado do Maranhão (TCE), em Sessão Plenária realizada ontem (13/07), desaprovou as contas apresentadas pelos seguintes gestores: Cézar Roberto Medeiros Araújo (Morros/2005), com débito de R$ 201.922,97 e multas de R$ 65.392,00; David Rodrigues da Silva (São Raimundo do Doca Bezerra/2006), R$ 25.842,25 e multas de R$ 59.468,00; Leocádio Olímpio Rodrigues (Serrano do Maranhão/2008), com débito de R$ 4.547.253,00 e multas de R$ 5.000,00; Luciano Sousa Lopes (Tasso Fragoso/2006), com débito de R$ 68.720,48 e multas de R$ 45.344,00; Miguel Cardoso de Caldas (Milagres do Maranhão/2008), com débito de R$ 1.165.425,00 e multas de R$ 198.870,00.
Entre as Câmaras Municipais foram julgadas irregulares as contas de Eunice de Jesus Carneiro Soares (Olinda Nova do Maranhão/2008), com débito de R$ 35.788,00 e multas de R$ 14.88,80; Leôncio Alves Bezerra (São Francisco do Maranhão/2006) e Luís Vanderlei Reis da Silva (Sucupira do Riachão/2007), com débito de R$ 29.165,00 e multas de R$ 17.156,00;
(Ascom/TCE-MA)
1

SALÁRIO MÍNIMO DE R$ 616 PARA 2012 É APROVADO NO CONGRESSO

Compartilhe:

Print Friendly and PDF


Orçamento também terá que preservar uma dotação para o aumento real a aposentados e pensionistas.

O Projeto de Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) para 2012, aprovado, nesta quarta-feira (13) pelo Congresso, manteve o valor do salário mínimo previsto pelo Executivo de R$ 616,34. Além disso, a LDO estabelece que o Orçamento da União para o ano que vem terá que preservar uma dotação para o aumento real aos aposentados e pensionistas do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS).
O Congresso alterou a proposta do Executivo de excluir de reajuste, em 2012, o auxílio-alimentação e a assistência pré-escolar, médica e odontológica quando o valor do benefício pago aos aposentados e pensionistas superar o valor médio da União, praticado em março de 2011. Os deputados e senadores mantiveram nessa regra, apenas, o auxílio-alimentação.
O presidente do Congresso, José Sarney (PMDB-AP), considerou as mudanças nas regras de reajuste dos benefícios previdenciários um avanço. “Enquanto na Europa se cria um movimento de acabar com o Estado Social de Direito, nós aqui no Brasil e nos países em desenvolvimento, estamos em um movimento contrário garantindo os direitos sociais.”
No que diz respeito às transferências de recursos para o setor privado, a LDO para 2012 acrescenta novas entidades beneficiáveis, como as de assistência social que trabalhem com idosos, crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidade ou risco, além de habilitação de pessoas com deficiências. Pelo texto, a entidade que receber recursos para investimento terá que comprovar capacidade gerencial, operacional e técnica para desenvolver as atividades e informar a quantidade e qualificação de seus profissionais.
O relator-geral, Márcio Reinaldo Moreira (PP-MG), preservou os parâmetros macroeconômicos do governo federal pelos quais o crescimento esperado da economia brasileira neste ano será de 4,5% e 5% em 2012. A meta de inflação prevista pelo Índice de Preço ao Consumidor Agregado (IPCA), para 2011, continua em 5%, segundo o relator da LDO e de 4,5% em 2012.
Sobre as “metas e prioridades de 2012”, o relator-geral incluiu o pagamento pelo Executivo das emendas individuais de deputados e senadores, além das ações referentes ao Programa de Aceleração e Crescimento (PAC) e à superação da extrema pobreza, já previstas no texto do Executivo.
Quanto às metas de superávit primário para 2012, a LDO aprovada pelo Legislativo manteve o valor nominal de R$ 139,822 bilhões para União, estados e municípios. Desse total, R$ 96,973 bilhões caberá ao governo federal. Os deputados e senadores restringiram, entretanto, a redução máxima desse valor em R$ 40,6 bilhões, no caso das ações previstas no PAC.
O déficit nominal aprovado não poderá ser superior a 0,87% do PIB e o crescimento das despesas correntes – gastos com pessoal, por exemplo – não poderá superar o crescimento dos investimentos. Já as emissões de títulos da dívida do Tesouro Nacional terão que ser previstas na lei orçamentária e nos créditos adicionais.
De acordo com o texto aprovado, acerca da paralisação de obras públicas, por conta de problemas detectados pelo Tribunal de Contas da União (TCU), os congressistas estabeleceram que a decisão deverá ser encaminhada pelo órgão à Comissão Mista de Orçamento no máximo em 40 dias, a contar da conclusão das auditorias.
Também ficou definido na LDO que dentro desse prazo de 40 dias, 15 serão reservados para a manifestação preliminar do gestor da obra. Foi estabelecido, ainda, que a suspensão das obras e serviços só poderá ser evitada por decisão da Comissão Mista de Orçamento.
Além disso, segundo o texto da LDO, o governo federal não poderá executar qualquer investimento antes de aprovado o Orçamento Geral da União, pelo Congresso. O texto do Executivo previa investimentos, mesmo sem a sanção do orçamento até 31 de dezembro, em obras do PAC e com inversões financeiras relativas à participação da União no capital de empresas.
Agência Brasil
← Anterior Proxima → Página inicial

Usuários on-line


usuários online