!-- PLUGIN BARRA DE COOKIES -->
ULTIMAS NOTÍCIAS
Carregando...

A Prefeitura Municipal de Buriti segue seu planejamento de obras de infraestrutura urbana para melhorar cidade.  Na tarde dessa sexta-feira 17/9, iniciou-se pavimentação asfáltica de ruas do Bairro Bacuri com objetivo de melhorar a fluidez do trânsito na região. A obra é uma parceira do Prefeitura de Buriti-MA, por meio da Secretaria Municipal de Obras (SEMOB), e o Governo do Estado do Maranhão.

A pavimentação é uma antiga reivindicação dos moradores do bairro. Serão 3 km de asfalto que beneficiarão diretamente às Ruas São Francisco e Santo Antônio, próximo ao estádio municipal, além adjacências.

O Gestão do prefeito Arnaldo Cardoso (PL) entende que a infraestrutura e a qualidade de vida devem chegar a todos os cantos da cidade. As obras de mobilidade urbana, logística, segurança e infraestrutura, que beneficiam o dia a dia do cidadão buritiense, só estão começando.

Estiveram acompanhando o início da pavimentação, além do prefeito Arnaldo Cardoso, o secretário de Obras Rosim e seu Adjunto Júnior Frazão, os vereadores Reginaldo da van e Mateus Lafaiete, além de moradores e lideranças locais.

Prefeitura Municipal de Buriti-MA

O Futuro se constrói com amor e trabalho.

(Publipost/SECOM)

 

MARIA MACEDO, uma jovem buritiense nascida no Povoado Barra do Domiciano (Domiciano Duro de Oliveira), bonita, prendada, realizou o Sonho mais dourado de toda jovem da sua idade, o Casamento com o Príncipe Encantado.

Tudo na VIDA do casal seguia o seu Curso normal até o dia em que o seu cônjuge, o Senhor Antonio José, conhecido por ANTONIO PISTON sem justificativa, passou a ter o sentimento do Ciúme Doentio da jovem Maria, que embora sofrendo as agruras das acusações infundadas, tentava salvar o Casamento.

A história de casamento mal sucedido e o malfadado conselho que virou adágio popular " ruim com ele, pior sem ele ", ia mantendo a vida a dois no limite do tolerável, para ela e para as famílias dos dois, que jamais imaginaram pudesse acontecer sequer a separação pura e simples sem arranhões físicos.

Maria se conformava com as promessas do esposo quando este afirmava que iria modificar seu gênio e as suas atitudes, que a amava muito, e ela lhe dava sempre mais um voto de crença e de confiança,
na esperança de que os primeiros meses das Núpcias voltassem, e a União entre eles revigorasse o sentimento que antes parecia sublime e puro.


Ledo engano, pois a maldade já habitava o íntimo do seu companheiro Antonio Piston, que traçara adredemente o plano ardiloso de uma vingança cruel que assustaria as famílias deles, da comunidade Capãozinho onde moravam, de todos os povoados circunvizinhos e de todo o município de Buriti.

Amadurecido o planejamento do desumano companheiro, este o pôs em prática e em um dia de sol do ano de 2001, o Senhor José Alves, um Vaqueiro do Povoado Nova Esperança, antiga Fumaça, ao andar à procura de seu gado bovino nas matas entre esse Povoado e o de Capãozinho, observou um Grupo de Urubustingas sobrevoando um amontoado de galhos verdes amontoados sobre um corpo de mulher.com as vestes rasgadas.

Aproximou - se do local e apavorado, fez o sinal da cruz e pediu FORÇA ao nosso DEUS dizendo: valeeeei-me PAI do CÉU, é a dona Maria Macedo! Me ajudeeeeeeeeee! Em seguida, refeito do susto e com a coragem recuperada, espantou os urubus, passou a gritar por ajuda e duas outras pessoas acorreram ao local e com ele conseguiram juntar os restos mortais de dona Maria Macedo, completamente quebrada a porrete, em adiantado estado de putrefação.

O fato chamou a atenção de todos quantos tomaram conhecimento dessa atrocidade e se juntaram em solidariedade aos restos mortais e à memória da vítima.

O Enterro, mesmo às pressas em razão das circunstâncias, foi assistido por uma Grande multidão em prantos dolorosos. O assassino, desapareceu do município de Buriti e nunca mais foi visto ou conhecido o seu paradeiro, restando pensamentos no sentido de que ele talvez tenha se homiziado no território do vizinho estado do Piauí.

Meses depois dessa Tragédia, o Sepulcro de dona Maria Macedo no Povoado Capãozinho, onde morava, passou a ser visitado diariamente por muitas pessoas, movidos por um sentimento de piedade CRISTÃ e de FÉ, além da Crença de que Ela se tornou Milagrosa, pelo sofrimento da Morte Brutal, portanto beneficiada pela misericórdia do nosso DEUS Criador e JUSTO, e Hoje permanece entre NÓS, através da sua PROTEÇÃO e CURAS Miraculosas aos que recorrem a sua Alma Bendita! O local se tornou um ponto de Romaria e de encontro de Pagadores de Promessas pelos Milagres realizados por Ela.


Esta História VERDADEIRA, teve a colaboração do meu amigo ANTONIO SINÉSIO, de 87 anos de idade e de lucidez espetacular, morador e um dos fundadores do Povoado Fumaça tornado Nova Esperança a pedido dele ao Saudoso e Querido Padre José Costa, que celebrou a Primeira missa e o BATISMO do novo Povoado.
A Você amigo ANTONIO SINÉSIO, o meu preito de GRATIDÃO.

Dona MARIA MACEDO.

Pelo sua VIDA de honradez, pelo seu Sofrimento e Morte, a Senhora ingressou na História da nossa Buriti querida e é merecedora do nosso Amor, do nosso Respeito e o do nosso Acendrado CREDO na atuação da sua ALMA BENDITA!

Em face destes atributos, eu com o apoio de todos os que conheceram a sua História de VIDA Terrena e de Vida Celestial, eu premio a Senhora e a sua Memória, com o Título de MARIA MACEDO, A MÁRTIR E MILAGROSA BURITIENSE!

SOBRE O AUTOR


É buritiense, ardoroso amante da sua terra, deu seus primeiros passos no velho Grupo Escolar Antônia Faria, cursou o Ginásio Industrial na Escola Técnica Federal do Maranhão e Científico no Liceu piauiense e no Liceu maranhense, bacharelou-se em Direito pela Faculdade de Direito/UFMA, é advogado inscrito na OAB/MA, ativo, Pós-graduado em Direito Civil, Direito Penal e Curso de Formação de Magistrado pela Escola de Magistrados do Maranhão, Delegado de Polícia Civil, Classe Especial, aposentado, exerceu todos os cargos de comando da Secretaria de Segurança Pública do Maranhão, incluindo o de Secretário. Detesta injustiça de qualquer natureza, principalmente contra os pobres e oprimidos, com trabalho realizado em favor destes, inclusive na Comarca de Buriti.



Na tarde de hoje, quarta-feira 15/9, a Polícia Militar e Guarda Civil Municipal(GCM) de Buriti/MA conduziram  três suspeitos de roubos de celulares, com um dos indivíduos foi encontrado uma substância semelhante à maconha e quatro celulares roubados.


           

 


Márcia está com maxilar quebrado 

Uma campanha foi lançada nas redes sociais com o objetivo de arrecadar dinheiro para ajudar nas despesas básicas no período de tratamento da buritiense FRANCISCA MÁRCIA OLIVEIRA DA SILVA, 25 anos, que sofreu um grave acidente no dia 3 de setembro, na ladeira de acesso ao bairro Alto da Moderação. Sua amiga Karyane Silva divulgou uma série de vídeos pedindo ajuda de material de higiene, como fraldas, doação em dinheiro e venda de pontos de rifa para arrecadar fundos que possam suprir as necessidades enquanto Márcia segue hospitalizada.

Amiga verdadeira, Karyane Silva visita Márcia

O acidente fraturou a coluna, gerando a dificuldade de movimentação de Márcia, também quebrou o maxilar, dentes, e por isso ela, que está internada em hospital no município de Caxias, aguarda ser transferida para Presidente Dutra, onde deve fazer a cirurgia do maxilar.

O Correio Buritiense conversou com a amiga da campanha, Karyane, que, emocionada, reforçou o pedido de ajuda em dinheiro, porque a jovem acidentada vai ser operada no maxilar e necessitará de uma alimentar diferenciada. 

Nos vídeos vocês podem conhecer as pessoas que estão com as Rifas. Para doar em dinheiro, confira ao chave PIX (98) 983546112, em nome de Francisco Fredson Carvalho Veras, irmão de Márcia, para fazer transferência. O comprovante pode ser enviado para número de Karyane Silva (98) 970120402. 

Os projetos Sociais BAS e Pingo de Gente também realizam campanha de arrecadação de fundos  para compra de cadeira de rodas para Márcia.



A Secretária de Administração e Finanças de Buriti-MA, Cristina Cardoso, em gesto ímpar de solidariedade e amor ao próximo, esteve no Hospital Regional de Caxias na manhã do último sábado 11/9 e conversou com pacientes do município que estão internados naquela unidade hospitalar e observou como eles estão sendo atendidos e tratados.

O gesto de humanismo de Cristina Cardoso emocionou os pacientes de Buriti, que receberam a ação com muita alegria. A secretária aproveitou a oportunidade e também distribuiu material higiênico necessário para os pacientes.

 (Publipost/SECOM)

 

FRANCISCO DAS CHAGAS OLIVEIRA RÊGO, meu contemporâneo no Saudoso e sempre lembrado Grupo Escolar Antônia Faria, na nossa Buriti querida, que Ele tantas vezes a reverenciou com os seus Gritos de AMOR nos momentos festivos dos quais participou: ÔH SAUDADEEE DO BURITIIII e EITAAAAA BURITI BOM DANADOOOOO!

Chico Rêgo como se tornou conhecido e inesquecível na nossa Terra e por onde andou, foi uma dádiva divinal que ingressou no meu CAMINHAR Terreno logo nos primeiros dias daquele ano de 1957, e ainda hoje permanece, como um símbolo de uma AMIZADE que já nasceu eternizada.

Hoje ao recolher-me no meu Recanto de estudo e trabalho para escrever esta Coluna que já completa um ano de vida, chamou-me a atenção um ALERTA do confrade PRESIDENTE da ACADEMIA BURITIENSE DE LETRAS, ARTES E CIÊNCIA, para a necessidade de confecção dos PELERINES dos IMORTAIS buritienses. Emocionado ao rever a lista dos imortais fundadores do nosso Sodalício ainda de tenra idade, na qual consta o meu nome como Titular da Cadeira número 3, cuja Patronesse é a ilustre e saudosa ANA ARINA DE MELO SILVA, entendi ser justo e justificável homenagear aquele que em vida foi meu amigo dileto durante exatos SESSENTA E SETE ANOS até o dia em que partiu para a Terra da VERDADE.

Ele era um misto de romântico seresteiro, brincalhão e muito trabalhador desde menino. Foi comerciário, servidor público federal concursado da Antiga SUCAN e aposentou-se comerciário. Vivemos a nossa infância participando da vida da nossa cidade, incluindo a vivência CRISTÃ na nossa IGREJA de Santana, onde participávamos do alimento do Sagrado Corpo de JESUS CRISTO, no entanto no momento das confecções das HÓSTIAS, nos antecipávamos aos Padres, e saboreávamos as maiores, antes da Consagração, não considerávamos pecado, e não era mesmo. Estávamos sempre juntos quando crianças e assim seguimos durante o nosso crescimento.

Dele recebi além da AMIZADE, o companheirismo de um IRMÃO e uma afilhada de batismo, sua linda filha Raquel, mais um presente dele e de DEUS. Voltamos muitas vezes a visitar o meu Povoado Laranjeiras onde recordamos a nossa infância.

No nosso último encontro, participamos do TERCEIRO BAILE DE CARNAVAL RECORDAR É VIVER, e ele empolgado e feliz disse-me que NUNCA mais perderia um Carnaval na nossa Terrinha. Visitamos Barro Branco, povoado onde ele tinha e deixou amigos e nos demos sem imaginarmos, o último dos abraços que eram marcantes em nossa caminhada desde a nossa meninice.

Hoje, sempre Saudoso, eu rememoro a nossa História e o homenageio com o Título de FRANCISCO DAS CHAGAS OLIVEIRA RÊGO, MEU IRMÃOAMIGOCOMPADRE, UM IMORTAL BURITIENSE!

SOBRE O AUTOR

É buritiense, ardoroso amante da sua terra, deu seus primeiros passos no velho Grupo Escolar Antônia Faria, cursou o Ginásio Industrial na Escola Técnica Federal do Maranhão e Científico no Liceu piauiense e no Liceu maranhense, bacharelou-se em Direito pela Faculdade de Direito/UFMA, é advogado inscrito na OAB/MA, ativo, Pós-graduado em Direito Civil, Direito Penal e Curso de Formação de Magistrado pela Escola de Magistrados do Maranhão, Delegado de Polícia Civil, Classe Especial, aposentado, exerceu todos os cargos de comando da Secretaria de Segurança Pública do Maranhão, incluindo o de Secretário. Detesta injustiça de qualquer natureza, principalmente contra os pobres e oprimidos, com trabalho realizado em favor destes, inclusive na Comarca de Buriti.

A Prefeitura Municipal de Buriti, por meio da Secretaria Municipal de Saúde -Semus, realizou nesta quinta-feira 9/9 mais uma capacitação com seus profissionais da saúde.  Com o tema “Inteligência Socioemocional para Período Pós-pandemia”, os Agentes Comunitários de Saúde – ACSs puderam aprender sobre saúde mental, controle da ansiedade e identificação do medo.

Para formador prof. Julemberg a intenção do curso é amenizar os traumas causados pela pandemia, como medo, depressão, ansiedade, frustrações psicológicas. Os assuntos tratados trazem informações seguras para que o profissional de saúde possa ter uma consistência emocional maior e levar essas informações para o público atendido pelo SUS no município.



O prefeito Arnaldo Cardoso (PL) e o secretário de saúde  Carlos Mailson buscam, continuamente, capacitar os nossos profissionais da saúde, objetivando oferecer um atendimento de qualidade para os buritienses na área da saúde pública.

Assista à reportagem de Márcio Cardoso


MAIS IMAGENS DA CAPACITAÇÃO DOS ACSs








(Publipost/SECOM)

A finalidade dos contratos seria recuperar recursos dos precatórios da educação referentes ao FUNDEF/FUNDEB. 

A Promotoria de Justiça da Comarca de Buriti (MA) recomendou, no último dia 30 de agosto, ao prefeito Arnaldo Cardoso (PL), a anulação dos contratos firmados entre a Prefeitura de Buriti e o escritório Monteiro & Monteiro Advogados Associados, que tem por finalidade a recuperação dos valores do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica (Fundeb) não repassados ao município.

A Recomendação, assinada pelo promotor de justiça Laércio Ramos do Vale, foi motivada por ilegalidades encontradas na forma como serão pagos os honorários. Um dos contratos preveem que a Prefeitura pagará, ao escritório de advocacia, R$ 0,15 (quinze centavos) para cada R$ 1,00 (um real) recuperado aos cofres municipais, e no outro contrato R$ 0,20 (vinte centavos) para cada R$ 1,00 (um real) recuperado, o que, para MPMA, configura uma tripla ilegalidade.

Segundo a Promotoria de Justiça, a previsão de pagamento do contrato foi feita com recursos que já possuem destinação definida, descumprindo a Lei Complementar nº 101/2000, que dispõe sobre as normas de finanças públicas para a responsabilidade na gestão fiscal.

O MP apontou a falta de competição na contratação de escritório de advocacia por inexibilidade de licitação, contrariando a regra de realização de concurso público para contratação de empresas interessadas em prestar serviços a órgãos público, destacando que “a previsão de contratação por inexigibilidade é medida excepcionalíssima, que deve ocorrer quando configurada e comprovada a necessidade de serviços de profissional de notória especialização, conforme Lei de Licitações.”

Ainda foi apontada o risco da celebração dos contratos por não estabelecerem preços certos na contratação e que vincula a remuneração do contratado a um percentual sobre o crédito a ser auferido, em desacordo com a Lei de Licitações.

Por fim, o MP mencionou a ilegalidade da previsão de pagamento do contratado com recursos que possuem destinação vinculada à manutenção e desenvolvimento da educação de qualidade, ou de recursos próprios, cujas dotações orçamentárias não guardam nenhuma relação com a prestação dos serviços e afetam gravemente as políticas públicas dos Municípios, especialmente no atual cenário de pandemia de COVID-19 em que os cofres públicos estão sendo bastante afetados:

Além da suspensão de quaisquer pagamentos ao escritório Monteiro & Monteiro Advogados Associados e anulação de contratos de prestação de serviços advocatícios nesses moldes, também foi recomendado que o processo seja assumido pela Procuradoria Municipal, que detém atribuição de representação do Município em juízo, bem como seja informado se a Prefeitura já recebeu alguma vez recursos referentes aos precatórios do Fundef/Fundeb e como eles foram aplicados.

A Prefeitura de Buriti deverá encaminhar, em até 10 dias úteis, informações sobre as providências realizadas para o cumprimento da Recomendação, cuja cópia foi encaminhada para cada um dos Vereadores do Município, para conhecimento e acompanhamento; ao Conselho de Acompanhamento e Controle Social do FUNDEB e ao Centro de Apoio Operacional (CAOP) da Educação do MPMA.


SOBRE OS PRECATÓRIOS

São recursos oriundos do processo no qual a União foi condenada a complementar as transferências realizadas pelo Fundo de Desenvolvimento da Educação Fundamental, Fundef, atual Fundeb, referentes ao período de 1998 a 2006, de acordo com a Lei nº 9424/96. Fontes experientes na administração municipal ouvidas pelo CORREIO BURITIENSE apontam que Buriti tem um montante de R$ 22 a 39 milhões de reais previstos em precatórios. Caso prevalecessem os contratos, cerca de 15% desse valor ficaria com pagamento de honorários advocatícios.


Nesta quinta-feira 9/9, Buriti-MA vai ganhar mais um empreendimento comercial de sucesso: WSRAÇÕES, uma casa de rações focada na alimentação de cães, gatos, pássaros e outros animais.

De propriedade de Wellerson Santos, filho de Francisco Carlos, o grande Biricoco, o empreendimento oferece rações de qualidade e das melhores marcas com os melhores preços da cidade.

Faça-nos uma visita e confira! A WSRAÇÕES está situada na Avenida Juiz de Fora, N° 32, ao lado do Reforço Escolar Educando Para o Futuro. Se preferir entre em contato também pelo whatsapp (98) 98502-7637.

Um homem, conhecido por Neném Pedreiro, morreu há pouco, por volta das 17h desta terça-feira 7/9, após um acidente de motocicleta na estrada que liga o povoado Mocambinho à cidade Buriti.

Neném Pedreiro - Foto: Redes sociais 

Segundo informações de populares, o condutor teria perdido o controle quando trafegava nas proximidades da curva do Lixão, caiu, quebrou o pescoço e morreu na hora. Não se sabe a causa do acidente.

PESAR

Este CORREIO lamenta a perda e se solidariza com a dor que agora atormenta os familiares do falecido.

Promotoria de Justiça mira ainda possível irregularidade na expedição da licença ambiental liberada pela Secretaria Estadual de Meio Ambiente em favor do proprietário de terras Gabriel Introvini.
Avião que teria jogado agrotóxico sobre uma comunidade rural em Buriti(MA)

  Ministério Público Estadual (MP/MA) decidiu converter a Notícia Fato nº 220-022/2021 em inquérito civil para prosseguir com a apuração de possível ilícito ambiental na pulverização aérea de defensivos agrícolas realizada nas Fazendas São Bernardo e Europa, durante o período de 20 a 22 de abril deste ano, em Buriti-MA, pela empresa Flórida Aviação Agrícola Ltda. Também está na mira da Promotoria de Justiça possível irregularidade na expedição da Licença Única Ambiental liberada pela SEMA (Secretaria Estadual de Meio Ambiente) em favor do proprietário de terras Gabriel Introvini.

  Em suas considerações para o inquérito, o MP afirma que se aproxima o término do prazo de conclusão da Notícia de Fato nº 220-022/2021 e que findou o prazo de conclusão da Notícia de Fato nº 147-022/2021, que diz respeito a outra demanda ambiental envolvendo o Sr. Gabriel Introvini; que a pulverização aérea realizada nas áreas investigadas teria causado danos ao meio ambiente e ofendido a saúde de moradores das comunidades Carranca e Araçá, localizadas na zona rural de Buriti/MA; e que, portanto, ainda há necessidade de continuar as investigações para a formação de juízo de valor acerca dos fatos, das consequências e das responsabilidades cíveis por eventuais danos causados ao meio ambiente.

 A Portaria de conversão no Inquérito foi publicada na edição nº 159/2021, do Diário Eletrônico do Ministério Público do Estado do Maranhão, no dia 24 de agosto de 2021.

SOBRE A PULVERIZAÇÃO AÉREA COM AGROTÓXICOS

  O caso começou a repercutir depois que o advogado Diogo Cabral divulgou em suas redes sociais um vídeo que mostra um avião sobrevoando a região de Araçá e Carranca, zona rural de Buriti-MA, entre os dias 20 e 22 de abril de 2021.

  Nesse período, ao menos nove pessoas, inclusive idosos e crianças, teriam sido atingidas e intoxicadas por agrotóxicos lançados pela aeronave. Um menino de 7 anos teve feridas em várias partes do corpo. 

Garoto de 7 anos foi um dos atingidos pelo produto químico 

e sofreu queimaduras em todo o corpo(Foto: Divulgação)

 Com a repercussão nacional e internacional do caso, foram realizadas reuniões no local e a Secretaria de Estado de Meio Ambiente (SEMA) chegou a informar que responsáveis pela Fazenda São Bernardo, Belém e Brejão, propriedades da família de sojicultores Introvini, não possuíam licenciamento ambiental da atividade de pulverização aérea e que seriam multados no valor de 273 mil reais.

 Em maio, em ação ajuizada pela Defensoria Pública do Estado do Maranhão e pela Federação dos Trabalhadores Rurais Agricultores e Agricultoras Familiares do Estado do Maranhão (FETAEMA), a Justiça determinou a suspensão imediata do uso de agrotóxicos numa propriedade rural localizada em Buriti (MA).

Proponentes tem até o dia 15 de setembro para cadastrar propostas na plataforma

A Secretaria de Estado da Cultura está com inscrições abertas, de quarta-feira 1º até o dia 15 de setembro, para os editais Conexão Cultural Fotografia e de Patrimônio, da segunda fase da Lei Aldir Blanc no Maranhão. Esses editais estão entre os 11 novos certames lançados pela Secma, na segunda fase de aplicação de recursos da Lei (14.017/20) no estado, e estão disponíveis para acesso público no site da Secma (cultura.ma.gov.br), onde constam todas as regras para participação. As inscrições e cadastros devem ser feitos somente na plataforma leialdirblanc.secma.ma.gov.br.

PATRIMÔNIO

Para o edital de Patrimônio serão selecionadas 1.000 (mil) propostas de produções artísticas inéditas voltadas para as linguagens que integrem o Patrimônio Cultural Imaterial, as Culturas Populares e Culturas Tradicionais, visando a preservação, promoção e difusão destas manifestações, conforme o que está previsto no edital. Entende-se por apresentações artísticas inéditas toda e qualquer obra artística que não tenha sido publicada. As premiações no edital de Patrimônio são de R$ 4.000,00 (quatro mil reais) por proposta selecionada.

CONEXÃO FOTOGRAFIA

O edital Conexão Cultural Fotografia vai premiar os melhores conjuntos fotográficos que ilustrem cenas da cultura e turismo, fauna e flora local, ou que englobem as diversas linguagens de artes do estado do Maranhão. Serão selecionadas 100 (cem) produções artísticas, premiadas com R$ 5.000,00 (cinco mil reais).

(Agência de Notícias)

Na tarde deste domingo, 5 de setembro, o Governador Flávio Dino inaugura as novas instalações do Hospital do Servidor, no bairro do Calhau, oferecendo um atendimento humanizado e serviços de qualidade aos servidores públicos estaduais, contribuintes do Fundo de Benefícios do Estado do Maranhão e seus dependentes.

O novo Hospital do Servidor é uma conquista de todos os servidores e foi um compromisso assumido pelo Governador do Estado.

A Secretária Flávia Alexandrina da SEGEP e sua equipe têm acompanhado de perto todas as etapas de instalação do Hospital do Servidor. “Muito gratificados anunciamos a entrega do Hospital do Servidor. Estamos falando de um investimento da maior relevância, um compromisso importantíssimo do Governador Flávio Dino, que assim como todos os outros compromissos assumidos por ele, está sendo honrado. O novo Hospital foi construído para atender exclusivamente os servidores públicos estaduais e seus dependentes, quando contribuintes do FUNBEN, oferecendo toda a excelência no atendimento e uma assistência de saúde qualificada”, enfatizou.

Sobre o Hospital

 O Hospital do Servidor fica situado em local privilegiado, em área atrás do Hospital Carlos Macieira, na Av. Jerônimo de Albuquerque, Calhau.

É um hospital geral de média e alta complexidade, com moderna estrutura, com ambientes especializados para realizar todos os procedimentos necessários, ocupando uma área construída de 11.139m2, distribuída em 4 pavimentos:

Térreo – com atendimento de urgência e emergência, pronto socorro, serviços de apoio diagnóstico e terapêutico com exames de imagem, exames cardiológicos e outros.

1o andar – composto por ambulatórios de especialidades, sendo 36 especialidades médicas e 05 não médicas, área de coleta de exames laboratoriais e internação clínica.

2o andar – Centro cirúrgico para cirurgias de média e alta complexidade, com 04 salas de cirurgia, enfermaria clínica e cirúrgica com 104 leitos (52 leitos de clínica cirúrgica e 52 leitos de clínica médica adultos e pediátricos), 01 UTI e uma área de isolamento.

3o andar – corresponde ao auditório, laboratório e setor administrativo.

EQUIPE MULTIPROFISSIONAL

Para bem atender aos servidores o hospital conta com cerca de 1.500 profissionais da área de saúde, sendo formada por 300 médicos, 675

 profissionais de saúde não médicos e 525 funcionários administrativos que estarão inteiramente à disposição dos servidores e seus dependentes.

São mais de 30 especialidades médicas e 5 espacialidades não médicas (bucomaxilofacial, fisioterapia, fonoaudiologia, nutrição e psicologia clínica.

HORÁRIO DE FUNCIONAMENTO

A área hospitalar, que envolve pronto socorro, emergência, internação UTI e centro cirúrgico funcionará em regime de 24 horas.

Já os ambulatórios de especialidades, serviço de apoio diagnóstico e terapêutico (exames em geral) funcionarão das 07 às 18 horas.

AGENDAMENTOS

Para ter acesso aos atendimentos o servidor estadual deve estar vinculado ao Fundo de Benefícios dos Servidores do Estado do Maranhão (FUNBEN).

Os agendamentos serão feitos via Call Center através do número (98) 3311- 4700. Em breve o servidor contará também com o agendamento via internet e aplicativo de mensagens.

GESTÃO DO HOSPITAL

A gestão do Hospital do Servidor será feita pelo Hospital São Luiz – HSLZ.

SERVIÇO

Evento: Inauguração das novas instalações do Hospital do Servidor

Data: 05 de setembro de 2021

Local: Av. Jerônimo de Albuquerque, Calhau, atrás do Hospital Carlos Macieira

(Agência de Notícias)


Odonto Company Buriti - Rua da Bandeira, nº 25, salas 10 e 11, Centro.

BIOLAB - Rua Antônio Pereira Mourão, em frente ao HTB(Clínica)

PAINEL DO LEITOR - COMENTÁRIOS RECENTES