"Não há pessoas nem sociedades livres, sem liberdade de expressão e de imprensa”.

(Declaração de Chapultepec sobre liberdade de expressão)

VISUALIZAÇÕES DE PÁGINA DESDE A CRIAÇÃO DO BLOG EM 31 JULHO DE 2009

Dr.Inácio Américo Pinho de Carvalho (Advogado)

Dr.Inácio Américo Pinho de Carvalho (Advogado)
Contatos:(98) 81136927//960511818//32350659

SHOW DE INAUGURAÇÃO DO NOVO PALCO DO PARADISE EVENTOS

SHOW DE INAUGURAÇÃO DO NOVO PALCO DO PARADISE EVENTOS

ABAIXO A CENSURA PRÉVIA!

“A imprensa é a vista da nação. Por ela é que a nação acompanha o que passa perto e ao longe, enxerga o que malfazem, devassa o que lhe ocultam e tramam, colhe o que sonegam ou roubam, percebe onde lhe almejam ou nodoam, mede o que lhe interessa, e se acautela do que a ameaça.”

domingo, 21 de setembro de 2014

CADETES E OFICIAIS DO MARANHÃO JÁ ESTÃO EM CUIABÁ-MT PARA PARTICIPAR DOS JOGOS ACADÊMICOS DAS POLÍCIAS E BOMBEIROS MILITARES

A comitiva dos cadetes e oficiais do Maranhão que participarão dos 31os Jogos Acadêmicos das Polícias e Bombeiros Militares (JAPBM) chegaram na tarde desse sábado (20/9) em Cuiabá, no Estado do Mato Grosso que neste amo, sedia este que é o principal campeonato envolvendo as academias de polícia militar de todo o Brasil. O maranhão sediou a competição em 2011.
A delegação do Maranhão é composta por 40 cadetes e 5 oficiais.
Os jogos, que terão modalidades disputados na Arena Pantanal, acontecem uma vez por ano e é aberto a todos Estados do país. Este ano acontecem na cidade de Cuiabá, capital de Mato Grosso no período de 22 a 26 de setembro. Centenas de militares disputam diversas modalidades. O Maranhão concorrerá em técnicas de abordagem, atletismo, natação, judô, futsal e futebol de campo.
Para o Tenente-Coronel Furtado, comandante da Academia Militar da PMMA, o encontro é uma importante ferramenta de integração entre as corporações: “Os jogos proporcionam resultados altamente positivos; além de integrar as policias permitem a transferência de conhecimentos concernentes a atividade militar”, declarou o tenente-coronel.
O coronel Gonçalo, Diretor de Ensino da PMMA, destacou que a competição esportiva abre caminhos e avanços que vão além do esporte, “Os jogos servem como ponte para a troca de informações e o estreitamento das relações entre as corporações(...) também abrem portas para mostrarmos para a sociedade nosso real valor como instituição militar”, finalizou o coronel.
Entre os atletas participantes dos jogos, o cadete de Buriti/MA, Alan Carter Silva Borges, mostrou grande expectativa com a disputa na Arena Pantanal.

ELEIÇÕES 2014 - IBOPE: FLÁVIO DINO SOBE A 48%; LOBÃO TEM 27%

Pesquisa Ibope divulgada neste sábado (20) aponta que Flávio Dino (PC do B) subiu seis pontos percentuais em duas semanas, enquanto Lobão Filho (PMDB) caiu três pontos; Brancos e nulos são 8%; os que não sabem ou não responderam chegam a 16%; candidato do PC do B caminha para vitória no 1º turno
*pOR bRASIL 247
Pesquisa Ibope divulgada neste sábado (20) aponta os seguintes percentuais de intenção de voto na corrida para o governo do Maranhão:
Flávio Dino (PC do B) – 48% das intenções de voto
Lobão Filho (PMDB) – 27%
Outros – 1%
Branco/nulo – 8%
Não sabe/não respondeu – 16%
No levantamento anterior, no dia 6 de setembro, Flávio Dino tinha 42% e Lobão Filho, 30%.
A pesquisa aferiu a taxa de rejeição de cada um dos candidatos, isto é, aquele em quem o eleitor diz que não votará de jeito nenhum. Confira abaixo:
- Lobão Filho: 31%
- Flávio Dino: 13%
- Os demais candidatos apresentam índices que variam entre 6% e 10%.
Poderia votar em todos: 9%
Não sabe ou não respondeu: 38%
A margem de erro é de três pontos percentuais, para mais ou para menos. O nível de confiança é de 95%. A pesquisa está registrada no Tribunal Regional Eleitoral do Maranhão (TRE-MA) sob o número MA-00052/2014 e no Tribunal Superior Eleitoral sob protocolo nº BR-00696/2014. Foi encomendada pela TV Mirante.

VEJA NO GRÁFICO, ABAIXO, O RESULTADO COMPLETO DA PESQUISA COMPARADO AO RESULTADO ANTERIOR:

sexta-feira, 19 de setembro de 2014

A HORA DA MUDANÇA: Juiz Acata Mandado de Segurança de Vereadores Oposicionistas e Dá Prazo de 72 Horas para Presidente Laudelino Convocar Eleição da Mesa Diretora da Câmara Municipal de Buriti

O pedido de liminar foi subscrito por seis vereadores, além dos quatro oposicionistas, Benedito Caetano e Andrea Costa, ambos da base de apoio do prefeito, também assinaram o MS.
Enquanto isso, ninguém encontra o presidente Laudelino Mendes para que seja notificado da decisão da Justiça.
O novo juiz de Direito da Comarca de Buriti/MA, Dr. Jorge Antonio Sales Leite, julgou procedente o Mandado de Segurança (MS) impetrado pelos vereadores oposicionistas, com apoio de dois governistas, Andrea Costa e Benedito Caetano, para que seja realizado a imediata eleição da mesa Diretora da Câmara Municipal de Buriti.
O pedido de liminar foi impetrado na justiça por conta da omissão e ato ilegal da atual Mesa Diretora da Câmara que, contrariando próprio regimento interno, deixou de realizar a eleição para presidente na última sessão do primeiro semestre do período legislativo, no caso no final de junho.  A mesa diretora é representada pelo presidente Laudelino Mendes e tem como membros, também, os vereadores José Arnaldo Araújo Cardoso, Francisco das Chagas Santos Martins (Rosim) e Francisco das Chagas Mendes Cardoso (Damin).
Pelos fatos relatados no pedido, o medo de perder a eleição para imperar como presidente da Casa no biênio 2015-2016 e também a fim de ganhar mais tempo para manipulações políticas teriam sido os motivos que levaram Laudelino a se omitir de fazer a eleição de renovação da Mesa Diretora Legislativa.
SAIBA MAIS CLICANDO NOS LINKS RELACIONADOS
 A falta de apoio e de credibilidade de Laudelino para permanecer por mais dois anos na presidência é generalizada. Escanteado pelo próprio prefeito Rafael Mesquita que tem preferência por um nome mais ligado a si do que ao ex-prefeito Neném Mourão; também perdeu o apoio da própria oposição, com quem, inclusive, teve êxito na alteração do regimento para lhe garantir mais um mandato à frente da Casa. Não bastasse isso, até mesmo a base governista rachou de vez, após o vergonhoso caso ocorrido na última sessão de junho quando o assessor jurídico da Câmara tomou bruscamente e rasgou a lista de frequência das mãos do vereador Benedito Caetano para impedir que houvesse quórum e que pudesse ocorrer, naquele momento, as eleições. 
A DECISÃO DO MAGISTRADO
Após analisar as questões preliminares, com a aceitação do parecer favorável do Promotor de Justiça, Dr. Clodoaldo Nascimento Araújo, o juiz Dr Jorge Sales reconheceu a omissão da Mesa Diretora da Câmara Municipal de Vereadores de Buriti e determinou que o presidente Laudelino Mendes convoque eleição para mesa diretora para biênio 2015-2016 no prazo de 72 horas, sendo que a eleição e posse deve ocorrer em, no máximo, 10 dias após a ciência da decisão.
Caso o atual presidente descumpra a ordem judicial sofrerá multa diária sob o patrimônio pessoal no valor de R$ 1.000,00 (mil reais), além de poder ser responsabilizado civil e criminalmente.
A decisão do juiz foi publicada na manhã de hoje (19/9).
VEJA ABAIXO A SENTENÇA COMPLETA DO JUIZ




quinta-feira, 18 de setembro de 2014

JUÍZES PEDEM R$ 7 MIL MENSAL PARA PAGAREM ESTUDO DOS FILHOS

*Publicado por Luiz Flávio Gomes - 4 dias atrás
A presidente do Tribunal de Justiça do Rio de Janeiro enviou para a Assembleia Legislativa um projeto para conceder auxílio-educação para os filhos de juízes e servidores do Tribunal. Para os magistrados, o auxílio mensal seria de até R$7.250,00 e para os servidores de até R$3.000,00. Segundo Adriana Cruz (O Dia), a proposta ainda prevê R$ 20 mil por ano aos juízes para investirem em estudo. Os servidores receberiam mais R$ 500. O auxílio-educação postulado pode chegar a R$9 mil, se passarem os novos vencimentos dos ministros do Supremo (para R$ 35 mil). A Associação dos Juízes ainda quer mais R$ 1.100 como auxílio-transporte.
Antes das eleições todas essas propostas (nitidamente indecorosas) não serão votadas (porque os deputados estaduais estão em campanha). “A Justiça parece que não entendeu o recado das ruas, no ano passado, com as manifestações que caracterizaram falta de representatividade. Nenhum professor do estado ganha o que os magistrados querem de auxílio-educação”, criticou o deputado estadual Marcelo Freixo, do Psol. No ano passado os deputados já aprovaram o auxílio-moradia para magistrados e membros do Ministério Público sem questionamentos. Atualmente, os valores giram em torno de R$ 5 mil, segundo desembargadores ouvidos pelo jornal O Dia.
É uma incongruência manifesta os tribunais afirmarem que não há verbas para contratar novos juízes ou para melhorar o serviço público da Justiça (reconhecidamente moroso) e, ao mesmo tempo, pedirem mais benefícios mensais que driblam o teto salarial dos desembargadores. A proposta auxílio-educação é indecorosa em todos os seus aspectos, mas existe no seu seio outra aberração inominável, que faria corar qualquer aristocrata racista: o valor distinto para magistrados e servidores significa o quê? Que o filho do magistrado tem que estudar em um lugar melhor do que o do servidor, fazendo preponderar a histórica desigualdade de classes? No tempo do Brasil colonial e imperial o sonho de todo fidalgo era colocar o filho na “folha do Estado”. Esse sonho cultural não acabou; a diferença é que agora já se pretende que o filho vá para a “folha do Estado” desde o jardim da infância.
Depois de alguns anos de vida e de muitos estudos, nada mais natural que os humanos conquistarem incontáveis e díspares ideias e visões do mundo (Weltanschauung). Para transformá-las em algo valioso e útil na vida terrena, antes de tudo devemos combiná-las e submetê-las à moral e às virtudes. A primeira categoria a se dissipar, diante desse acurado exame, é a da vulgaridade (todo esforço do mundo para contê-la será pouco diante dos nefastos efeitos que ela produz ao longo das nossas transitórias existências). Sobretudo quando governamos interesses coletivos, não há como deixar de cultivar a moral e as virtudes, não somente porque dos dirigentes sempre se espera exemplaridade, senão também porque são elas que conferem ao espírito o senso do justo em sua mais profunda extensão e ao caráter a devida elevação assim como a necessária firmeza.
Todos os humanos que assumem o destino das coisas públicas, incluindo os juízes, evidentemente (sobremaneira quando assumem cargos administrativos de governança), deveriam ser obrigados a se submeterem a um curso intensivo, se não de geometria (como postulava o espírito exigente de Platão), ao menos de moderação, tal como pugnava Aristóteles, para afiar a personalidade do administrador e distanciá-lo dos vícios mais deploráveis que podem rondar o exercício do poder, nutrindo sua alma e seu espírito de um conteúdo substancialmente sólido (apesar da sociedade líquida que vivemos, como diz Bauman), de forma a evitar-lhe ao menos os deslizes mais canhestros ou as tentações mais extravagantes, tal como sugeria Stuart Mill).
Por força do princípio da moderação de Aristóteles, para cada virtude existem ao menos dois vícios. Se queremos promover o bem, se queremos ser exemplares para nossos filhos e concidadãos (“Age de tal forma que a máxima do teu querer possa valer em todo o tempo também como princípio de uma legislação geral” – Kant), o primeiro que temos que fazer consiste sempre em evitar o cálice dos excessos, dos vícios e das extravagâncias. A lição aristotélica nos ensina que a coragem desdenha a covardia e a temeridade; a justiça se afasta tanto da fraqueza como do rigor; a temperança é inimiga da devassidão bem como da austeridade; a religião ergue-se entre a impiedade e a superstição; a liberdade se ancora entre a escravidão e a licença e assim vai.
Cai em desgraça infernal (tal como a narrada por Dante) quem, fazendo uso da liberdade, sucumbe à vulgaridade e se concede a soberba licença para promover o escatológico, o estrambólico, o desregrado, o nauseabundo, o asqueroso, o repelente, o repugnante, o bestial, o inconveniente, o abjeto, o sórdido, o torpe, o nefando, o execrável, o obnóxio, o vil, o desprezível, o ignóbil ou o esquálido. Não faltam no mundo, no entanto, pretextos e motivos para se negar a aplicação das doutrinas mais nobres e elevadas, de quantas o humano civilizado já produziu. Mas todas as propostas frívolas e levianas devem ser refutadas de plano, ou seja, devem ser abandonadas à sua própria nulidade, mesmo correndo o risco de o desprezo ser interpretado como uma hostilidade pessoal. Toda proposta que viola a regra da moderação (de Aristóteles) em nada edifica quem aspira deixar um nome respeitado e glorioso. Tendo em vista o que já ganham os juízes, a razoabilidade assim como a imperiosidade da moderação aristotélica, somos pelo NÃO ao citado auxílio-educação.

Luiz Flávio Gomes: Jurista e professor. Fundador da Rede de Ensino LFG. Diretor-presidente do Instituto Avante Brasil. Foi Promotor de Justiça (1980 a 1983), Juiz de Direito (1983 a 1998) e Advogado (1999 a 2001). [Assessoria de comunicação e imprensa +55 11 991697674 [agenda de palestras e entrevistas]]

quarta-feira, 17 de setembro de 2014

SÃO LUÍS - Presos Cavam Túnel E Fogem De Pedrinhas

É a 2ª vez em uma semana que detentos escapam do presídio; secretário diz que não houve vistoria no local entre domingo e terça
*Com informações de estadao.com.br
Uma nova fuga de presos do Complexo Penitenciário de Pedrinhas, em São Luís, no Maranhão, aconteceu na madrugada desta quarta-feira, 17. Detentos escaparam por um túnel cavado no Presídio São Luís I. A Secretaria de Justiça e Administração Penitenciária (Sejap) ainda contabiliza os presos para divulgar quantos fugiram. Informações preliminares dão conta de que 11 escaparam. Esta é a segunda fuga em uma semana. 
Irritado, o secretário da Sejap, Sebastião Uchôa, afirmou que não foi realizada vistoria de domingo, 14, a terça-feira, 16, no presídio, o que permitiu que os presos cavassem o túnel. Ele afirmou que a secretaria apurará e que os responsáveis serão punidos. 
Após a paralisação dos agentes penitenciários do Complexo Penitenciário de Pedrinhas e de uma empresa terceirizada de vigilantes (Atlântica), por volta das 9h desta manhã (17), um novo tumulto foi registrado. Os detentos da Casa de Detenção (Cadet) aproveitaram o momento da paralisação para tentar fugir, mas foram coibidos pela Força Nacional e Polícia Militar.
  O momento no local é de tensão, policiais usam bala de borracha, o Grupo Tático Aéreo (GTA) também está monitorando o presídio. Agentes da Rotam, Geop e Força Tática entraram na Casa de Detenção. Neste momento os detentos estão no pátio da Casa. Há informações de que celas e corredores estão depedrados. Não há informação de feridos.
LINKS RELACIONADOS
A Tropa de Choque da Polícia Militar ocupou a penitenciária na manhã desta quarta-feira, e o clima é tenso na unidade prisional. 
No último dia 10, 36 presos fugiram da penitenciária após um caminhão caçamba derrubar o muro do Centro de Detenção Provisória. Até o momento, somente dois presos que fugiram dia 10 foram recapturados. 
Na segunda-feira, 15, o diretor da Casa de Detenção de Pedrinhas, Cláudio Barcelos, foi preso, acusado de facilitar fuga de presos. Ele cobraria entre R$ 2 mil e R$ 300 mil para liberar saídas de detentos. 
PARALISAÇÃO DOS AGENTES
De acordo com o Sindicato dos Servidores do Sistema Penitenciário, aproximadamente 30 a 40 agentes penitenciários estão neste movimento. Eles reivindicam melhores condições de trabalho, como equipamentos, armas, algema, o afastamento do Secretário de Estado de Justiça e de Administração Penitenciária (Sejap), Sebastião Uchôa, o concurso de caráter de urgência e a revogação da portaria que proíbe o uso de celulares para funcionários.
Segundo informações do sindicato, a paralisação continua por tempo indeterminado, até que o Estado entre em negociação.
A empresa terceirizada Atlântica, que faz o serviço de vigilância do presídio aderiu à paralisação, a reivindicação deles é de ajuste salarial de 30%, transporte próprio para a locomoção dos funcionários e equipamentos de segurança. Segundo o diretor de Comunicação do Sindicato dos Vigilantes do Maranhão (SINDVIG), Dionilson Freitas a paralisação ocorre de forma legal.

terça-feira, 16 de setembro de 2014

SUPER SERESTA DE LANÇAMENTO DO NOVO DVD DE MÁRCIO OLIVEIRA COM PARTICIPAÇÃO DE FORROZÃO TIRA ROUPA

Próxima sexta-feira, dia 19 de setembro, acontecerá na Churrascaria Batista, a partir das 21h, uma super seresta do Forrozão Tira Roupa e Márcio Oliveira, lançando seu mais novo trabalho (DVD) em ritmo de seresta que, inclusive, foi gravado no município de Buriti/MA. Você não pode perder.
Foto Arquivo: Marcelo CD's
 O evento é promovido por Daluz que conta com 26 patrocinadores e apoio do CORREIO BURITIENSE(CB).

PATROCINADORES:
NALDO BATISTA
GUSTAVO ARAGÃO
Prof. DJAILSON
SALÃO BILA
FRANCILDO
RCD VARIEDADES
MANU MODAS
VAREJÃO DO POVO
JORGE DO SINDICATO
ALBERTO PARACATU
CAMILA MÓVEIS
GG MOTOS
"SÓ FERRO" O BELO
MAGAZINE BURITI
COMERCIAL GUADALUPE
ITALIA PIZZA
CLÁUDIO DA YAMAHA
ZÉ FRANCISCO VIANA
JOSÉ LEANE PREFEITO DE AFONSO CUNHA
GIR METALURGICA
SORVETERIA LAGES
VALDINAR DO FRANGO
BARATÃO DAS CONFECÇÕES
RAIOS CONFECÇÕES
VEREADORA FRANCISCA DO CABÉ
JOSMAR DO COMERCIAL GUADALUPE

domingo, 14 de setembro de 2014

CONFIRA ALGUMAS IMAGENS DAS BANDAS QUE ANIMARAM O FESTEJO DE BURITI 2014

O mês de julho em Buriti é sempre animado por contas dos shows que ocorrem por ocasião dos Festejos de Nossa Senhora Sant’Ana, padroeira da cidade. Os shows foram realizados no APB Batista Eventos e no renovado clube Paradise Eventos.

SHOW DE  24 DE JULHO
Forrozão Fruta Nativa
Local: Casa de Shows APB Eventos
  


















SHOWS DE DIA 25 DE JULHO
Pablo do Arrocha & Originais do Forró
Local: Paradise Eventos








 Furação do Forró
Local: Casa de Shows APB Eventos



































SHOWS DE DIA 26 DE JULHO
Moleca 100 Vergonha & Banda Libanos
Local: Paradise Eventos
 









Casadões do Forró & Minamora
Local: Casa de Shows APB Eventos
















Arquivo do blog