"Não há pessoas nem sociedades livres, sem liberdade de expressão e de imprensa”.

ULTIMAS NOTÍCIAS
Carregando...

EM QUASE DUAS DÉCADAS, MAIS DE 90 PESSOAS MORRERAM ATINGIDAS POR RAIOS NO ESTADO DE MARANHÃO


Nessa semana, duas pessoas de Buriti-MA, 322 km da capital, morreram atingidas por um raio.
Do site MA10
Em dias nublados e chuvosos, a preocupação com os pontos de alagamento é imediata. O que muita gente esquece é que nessas circunstâncias o perigo também vem de cima. A queda de raios oferecem muitos riscos e inclusive mata muitas pessoas todos os anos.
No Maranhão, segundo levantamento do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), entre os anos 2000 e 2017, 95 pessoas morreram após serem atingidas por raios.
As circunstâncias das mortes foram as mais variadas possíveis tanto que 27% das vítimas morreram em atividades diversas. Sendo que 25% estavam em atividades rurais no momento dos sinistros, 18% dentro de casa, 10% próximas de veículos e 7% jogando bola. Já 8% embaixo de árvores, como o idoso de 60 anos identificado como JOSÉ SANTOS MACEDO e Denilson Rodrigo de Souza chagas, de 19 anos, que morreram nesta semana no município de buriti de Inácia Vaz, a 322 km da capital (CLIQUE AQUI E RELEMBRE).
CONFIRA A REPORTAGEM DA TV DIFUSORA
Não existe uma medida 100% eficaz para evitar a queda de raios, mas algumas ações preventivas podem salvar vidas. Confira dicas, de acordo com a Defesa Civil:
·  Durante as tempestades fique em casa.
·  Saia somente se for absolutamente necessário.
·  Não retire nem coloque roupa em estendedores (varais) de arame durante a tempestade.
·  Mantenha-se afastado e não trabalhe em cercas, alambrados, linhas telefônicas ou elétricas e estruturas metálicas.
·  Não manipule materiais inflamáveis em recipientes abertos.
·  Não operar tratores ou máquinas, especialmente, para rebocar equipamentos metálicos.
·  Se você estiver viajando permaneça dentro do automóvel; os automóveis oferecem uma excelente proteção contra raios.
·  Busque refúgio no interior de edifícios.
·  Mantenha-se longe de árvores isoladas.
·  Não permaneça dentro d’água durante as tempestades.
·  Em casa, permaneça longe de portas e janelas.
·  Evite áreas altas, busque refúgio em lugares baixos.

0 COMENTÁRIOS:

Postar um comentário

O comentário não representa a opinião do blog; a responsabilidade é do autor da mensagem. Ofensas pessoais, mensagens preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, ou ainda acusações levianas não serão aceitas. O objetivo do painel de comentários é promover o debate mais livre possível, respeitando o mínimo de bom senso e civilidade. O Redator-Chefe deste CORREIO poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.