"Não há pessoas nem sociedades livres, sem liberdade de expressão e de imprensa”.

(1º Princípio da Declaração de Chapultepec)

Visualizações desde 31 de Julho de 2009

COMO VOCÊ AVALIA OS 100 PRIMEIROS DIAS DA GESTÃO NALDO BATISTA?

Buritiense na disputa de MMA Nacional

quarta-feira, 20 de abril de 2016

4

OPINIÃO DO CORREIO: Golpe de Abril de 2016 - Entre O Escuro do Túnel e as Luzes da Democracia

Compartilhe:

Print Friendly and PDF


*Da Revista Fórum

Um golpe não acontece a partir de uma única ação e muito menos por um só motivo. Chega-se a um dia em que se acorda com ele. Vê-se que ele estava ali, rondando a porta, sendo arquitetado e construído por gente que lhe tirava a cadeira antes mesmo de você chegar perto da mesa.
Os golpistas que lhe tiram do poder não são seus inimigos. Em geral, são ex-aliados. Aqueles que vão traí-lo perto do dia final.
Aos poucos eles vão se distanciando, uns mais rapidamente já vão fortalecendo o lado de lá. Outros ficam para trair na última hora. Esses são os fundamentais pra o golpe.
No caso do golpe de hoje contra o mandato legitimamente conquistado nas urnas por Dilma Rousseff é preciso não esquecer o nome de alguns traidores.
O ex-ministro das Cidades, Giberto Kassab, o presidente do PP, Ciro Nogueira, e o presidente do PR, Alfredo Nascimento, não foram os únicos, mas muito provavelmente os mais destacados.
Até o último minuto eles se diziam comprometidos com Dilma, dominavam ministérios, tinham acesso à lista dos votantes com o governo, solicitavam mais cargos, pediam aprovação de obras e na última semana romperam.
E foram fundamentais para que o golpe de abril de 2016 se consolidasse.
A derrota de hoje não é do governo e nem de um partido. Derrotas desse tipo se dão em processos eleitorais. Hoje foram rasgadas as regras do jogo. E se começou a cassar uma presidenta que não é sequer suspeita de corrupção, numa sessão de um Congresso presidido por um réu de diferentes tipos de crimes.
Isso faz com que o Brasil entre num túnel escuro sem que se saiba se há saída do outro lado e quanto tempo vai se demorar pra atravessá-lo.
Os golpes também são assim.
Da mesma forma que se descobre os traidores no dia que se acorda com ele na porta, só é possível entendê-lo melhor depois de um bom tempo.
Talvez daqui a um ano, quando o governo Temer começar a debater o adiamento das eleições para presidente e para o Congresso de 2018, jogando-a para 2020, muitos começarão a entender.
Talvez daqui a seis meses, quando o novo governo vier a propor uma reforma política com o objetivo de ampliar a representação do Sudeste em relação ao Norte e ao Nordeste, muitos começarão a entender.
Talvez daqui a poucos meses quando várias lideranças populares começarem a ser presas, muitos começaram a entender.
Talvez daqui a algum tempo quando jornalistas opositores vierem a ser perseguidos juridicamente pelo novo governo, muitos virão a entender.
Um golpe nunca é. Ele vai sendo.
E o que se inicia hoje é um golpe de estado no Brasil.
É verdade que Dilma ainda tem algumas etapas de resistência, mas suas chances são ínfimas.
Construiu-se um consenso midiático, econômico, político e de setores importantes da Justiça em torno dessa castração democrática.
Isso não significa que não haja espaço para a resistência popular. Há e muito. O Brasil de hoje não é o de 1964. Ele tem bases populares muito mais ativas, tem comunicadores progressistas muito mais influentes, tem uma intelectualidade e um universo da cultura menos subserviente e, entre outras tantas coisas, sindicatos muito mais combativos e estruturados. Além de uma juventude que na hora certa vai mostrar o quão importantes foram alguns programas de governo criados no governo Lula e Dilma.
Esse golpe de hoje ainda é uma incógnita, mas ele não vai acontecer apenas da forma como se pensou na planilha dos golpistas. Controlar votos num plenário de 513, com ampla maioria de picaretas, é uma coisa. Outra é controlar as ruas.
Haverá uma enorme resistência que já começa hoje.
E ela pode ir se ampliando quanto mais forem aparecendo as verdadeiras intenções dos golpistas.
O que está por vir é uma viagem por um túnel escuro. Mas é preciso confiar nas luzes que foram acessas durante os 31 anos de democracia. E essas luzes não podem ser desprezadas.
← Anterior Proxima → Página inicial

4 COMENTÁRIOS:

  1. Até agora não se provou vínculo de corrupção da presidente e nem a defendo, o que me preocupa é saber que pessoas desonestas estão no poder colocada exclusivamente através do voto dos eleitores, olhem bem que nos representa, chegou a hora de se criar pessoas honrosas a se fazer política seria. Vamos parar de eleger estes, que são todos corruptos, não sei o que acontece quando estão poder ficam assim, o que sei que este país estar na posição iminente de uma possível manifestação contra não a saída da Dilma e sim bando corruptos dando seu voto para então tira- lá , e lamentável está situaçao , se houver mesmo manisfesto, não cometam guerra e nem ofenca contra civis, e vamos tomar cuidado na próxima eleição. Tá chegando e olhem para esta cidade que não tá diferente do.mundo.Vamos orar para Deus mudar a mente destes é aqueles para haver paz neste planeta.

    ResponderExcluir
  2. Apenas para recordar :

    Para aqueles jovens que não vivenciaram a história do Brasil. Eu(Adalberto Gandolfi Greco) passei por tudo isso em 57 anos de vivencias....Só para recordar:
    Graças à evolução tecnológica da modernidade
    com a abertura das fronteiras do Brasil para o resto do mundo,
    o país cresceu, reduzindo a pobreza.
    Mas não foi através do PT
    Então veja:
    A história que precisa ser contada.
    Só para lembrar um pouquinho, do porque que os políticos não sabem a razão das manifestações que acontecem pelo Brasil.

    A HISTORIA É A MÃE DE TODAS AS VERDADES!!!

    1985 -
    O PT É CONTRA A ELEIÇÃO DE TANCREDO NEVES E EXPULSA OS
    DEPUTADOS QUE VOTARAM NELE.

    1988 -
    O PT VOTA CONTRA A NOVA CONSTITUIÇÃO QUE MUDOU O RUMO DO BRASIL.

    1989 -
    O PT DEFENDE O NÃO PAGAMENTO DA DÍVIDA BRASILEIRA, O QUE
    TRANSFORMARIA O BRASIL NUM CALOTEIRO MUNDIAL.

    1993 -
    PRESIDENTE ITAMAR FRANCO, CONVOCA TODOS OS PARTIDOS PARA UM GOVERNO DE COALIZÃO PELO BEM DO PAÍS. O PT FOI CONTRA E NÃO PARTICIPOU.

    1994 -
    O PT VOTA CONTRA O PLANO REAL E DIZ QUE A MEDIDA É ELEITOREIRA.

    1996 -
    O PT VOTA CONTRA A REELEIÇÃO. (HOJE DEFENDE).

    1998 -
    O PT VOTA CONTRA A PRIVATIZAÇÃO DA TELEFONIA, MEDIDA QUE HOJE NOS PERMITE TER ACESSO A INTERNET E MAIS DE 150 MILHÕES DE LINHAS TELEFÔNICAS.

    1999 -
    O PT VOTA CONTRA A ADOÇÃO DO CÂMBIO FLUTUANTE.

    1999 -
    O PT VOTA CONTRA A ADOÇÃO DAS METAS DE INFLAÇÃO.

    2000 -
    O PT LUTA FEROZMENTE CONTRA A CRIAÇÃO DA LEI DA RESPONSABILIDADE FISCAL, QUE OBRIGA OS GOVERNANTES A GASTAREM APENAS O
    QUE ARRECADAREM, OU SEJA, O ÓBVIO QUE NÃO ERA FEITO NO BRASIL.
    POR QUE SERÁ?

    2001 -
    O PT VOTA CONTRA A CRIAÇÃO DOS PROGRAMAS SOCIAIS NO GOVERNO
    FERNANDO HENRIQUE CARDOSO:
    BOLSA ESCOLA, VALE ALIMENTAÇÃO, VALE GÁS,
    PETI E OUTRAS... BOLSAS SÃO CLASSIFICADAS COMO ESMOLAS ELEITOREIRAS E
    INSUFICIENTES.
    QUASE TODA ESTRUTURA SÓCIO-ECONÔMICA DO BRASIL, FOI CONSTRUÍDA NO PERÍODO LISTADO ACIMA.
    O PT FOI CONTRA TUDO E CONTRA TODOS.
    HOJE ROUBAM TODOS OS AVANÇOS QUE OS OUTROS PARTIDOS PROMOVERAM, E POSAM COMO OS ÚNICOS CONSTRUTORES DE UM PAÍS DEMOCRÁTICO.
    JÁ QUE O PT FOI CONTRA TUDO E CONTRA TODOS DESDE A SUA FUNDAÇÃO, FICA UMA PERGUNTA PARA QUE OS LEITORES RESPONDAM:
    EM 13 ANOS DE GOVERNO, QUAIS AS REFORMAS QUE O PT PROMOVEU NO BRASIL
    PARA MUDAR O QUE OS SEUS ANTECESSORES DEIXARAM?

    Lembre-se sempre:
    "Embora ninguém possa voltar atrás e fazer um novo começo, qualquer um pode começar agora, e fazer um novo fim".

    Esta é uma comunicação oficial do Instituto Endireita Brasil.
    Reenvie imediatamente esta mensagem para toda a sua lista.
    O Brasil agradece.
    Hoje somos apenas 1.340.976, mas poderemos ser milhões, colabore!...
    Envie para seus contatos.

    NÃO VAMOS FAZER COMO OS ALEMÃES QUE EM 1934 "DEIXARAM" O PARTIDO NAZISTA DEITAR E ROLAR, E DEPOIS TIVERAM SUAS VIDAS E A NAÇÃO COMPLETAMENTE DESTRUÍDAS, ASSIM COMO OS CUBA E VENEZUELANA

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. 1985, A população vivia em plena miséria, pais com 10, 9, 8, 7, 6,5, 4 filhos passavam fome.

      1988, a população continuava na miséria e passando fome, sem emprego, pais sem condições de colocarem os filhos p estudar.

      1989, população continua na miséria, passando fome. grande número de recém-nascido morrem, pq os governantes não fazem nada p as mães terem um acompanhamento na gravidez.

      1993, 1994, 1996, 1998, 1999, 2000, 2001, a miséria permanece, o povo passa fome. Temos um grande número de analfabeto.

      Anos de mandato de Lula e Dilma. Um grande número de brasileiros saem da linha da pobreza, cai o analfabetismo e muitos jovens tem a oportunidade de entrar em uma universidade. Melhora as condições de muitas pessoas em relação as condições de comprar uma moto ou um carro. mães não são mais obrigadas a mandarem suas filhas p serem mantida como escrava nas cidades(trabalhar como doméstica p um prato de comida)

      Excluir
  3. A boquinha do PT,PCdoB,CUT e demais quadrilhas ligadas ao PT tá chegando ao FIM!

    ResponderExcluir

O COMENTÁRIO NÃO REPRESENTA A OPINIÃO DO BLOG; A RESPONSABILIDADE É DO AUTOR DA MENSAGEM. OFENSAS PESSOAIS, MENSAGENS PRECONCEITUOSAS, OU QUE INCITEM O ÓDIO E A VIOLÊNCIA, OU AINDA ACUSAÇÕES LEVIANAS NÃO SERÃO ACEITAS. O OBJETIVO DO PAINEL DE COMENTÁRIOS É PROMOVER O DEBATE MAIS LIVRE POSSÍVEL, RESPEITANDO O MÍNIMO DE BOM SENSO E CIVILIDADE.

Usuários on-line


usuários online