"Não há pessoas nem sociedades livres, sem liberdade de expressão e de imprensa”.

(1º Princípio da Declaração de Chapultepec)

Visualizações desde 31 de Julho de 2009

Conferência de Mulheres da Assembleia de Deus em Buriti-MA

COMO VOCÊ AVALIA OS 100 PRIMEIROS DIAS DA GESTÃO NALDO BATISTA?

IMPOSTOS MUNICIPAIS ARRECADADOS PARA BURITI-MA

Charles Crispim na Balada Fight - Edição Tatto

terça-feira, 18 de agosto de 2015

11

TRE ADIA PELA 3ª VEZ O JULGAMENTO DOS PROCESSOS DE CASSAÇÃO DO PREFEITO DE BURITI

Compartilhe:

Print Friendly and PDF


Prefeito Rafael: beneficiado pelos adiamentos.
O Tribunal Eleitoral do Maranhão (TRE/MA) adiou nesta terça-feira (18/8), pela 3ª vez neste ano, o julgamento dos processos de Nºs 338 e 253, que tratam da cassação do prefeito de Buriti, Rafael Mesquita Brasil.
Na 60ª sessão do plenário, ocorrida em 6 de agosto, o juiz Clodomir Reis havia pedido vista do processo nº 338 (a votação já estava favorável ao prefeito Rafael pela placar de 3 a 0) e nesta sessão de hoje ele alegou não ter fundamentado ainda seu voto e, por isso, a análise ficou adiada para próxima quinta-feira (20/8).
Como ainda não foi finalizada a votação do processo 338, o outro processo nº 253, que tem acusações e denúncias semelhantes, também ficou para análise na próxima reunião do Tribunal.
Não custa lembrar que este mesmo TRE/MA já anulou, em 26 junho de 2014, por unanimidade, a cassação do prefeito Rafael no processo Nº 168. (Clique aqui e relembre)
Não é a toa que partidários do governo, em Buriti, já comemoravam, antes mesmo de iniciar o julgamento, com queima de foguetes e preparação de festa com comida e cervejas para celebração do triunfo que viria no Tribunal Eleitoral.

Mais Sobre os processos em pauta
O adiamento nas decisões de 1º grau, o prefeito foi cassado nos dois processos e só se manteve no cargo por decisão de liminares do próprio Tribunal. Estes são os processos mais delicados contra o prefeito Rafael e o resultado dos julgamentos podem selar o seu futuro político.
No Processo Nº 253, que corre em segredo de justiça, o Ministério Público pediu a perda dos mandatos do atual Prefeito e seu Vice, por suposta captação ilícita de sufrágio, com abuso de poder econômico nas eleições de 2012. Foram juntados documentos, gravação de voz e vídeo, entregues pelo o ex - radiologista do município, conhecido por Gilbert, que demonstrariam as irregularidades. A justiça, então, cassou o prefeito que, posteriormente, conseguiu liminar para ficar no cargo.
No processo de Nº 338, que também está em segredo de justiça, a Justiça eleitoral cassou, em 14 de abril de 2014, o mandato do prefeito Rafael Mesquita Brasil. A juiz da decisão, Dra. Maria da Conceição Privado, de Brejo, na época, julgo procedente AIJE, contra os investigados R M B e R N M C, Prefeito e Vice-Prefeito de Buriti, em face de corrupção, cassando-lhes os respectivos diplomas.
As acusações nessa AIJE são de irregularidades na captação e gasto de campanha, com saque vultoso do FPM. Nela, constam os depoimentos e denúncias de Gilbert Sousa, o ex - radiologista do município, que sofreu atentado após uma série de revelações envolvendo a prefeitura de Buriti.

Outros Processos de Cassação Do Mandato Do Prefeito De Buriti
Na Comarca eleitoral, em cinco ações envolvendo a perda de seu mandato, o prefeito Rafael Mesquita foi cassado em três: nos processos de Nos 168, 253 e 338. Nas outras duas, de NOS 17514 17696, o juiz de Buriti julgou improcedente.
Com a pauta de hoje (18/8), no total, já serão cinco ações/recursos julgadas pelo Tribunal Eleitoral entre 2014 e 2015. Dos três julgamentos anteriores, o TRE absorveu o prefeito na ação nº 168, e manteve a decisão da justiça eleitoral em julgar improcedente outras duas acusações. 
← Anterior Proxima → Página inicial

11 COMENTÁRIOS:

  1. "TRE" SE DESMORALIZAR É POUCO SENDO LENTA DO LADO DO DINHEIRO.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nesse TRE tao dizendo:
      _Quem bota mais, quem bota mais.
      O quarto voto vai ser muiiiito caro.

      Excluir
  2. Nossssaa que novidade!!!

    Eu queria, na verdade, saber quanto foi tirado da prefeitura pra pagar esse desembargador por mais essa...

    ResponderExcluir
  3. Este caso merecia ser divulgado em algum veiculo de comunicação nacional, ajudaria não só o povo de buriti mais o Maranhão inteiro, o próprio prefeito e seus correligionários não escondem d ninguém como conseguem manipular os julgamentos nesse tribunal de canalhas !

    ResponderExcluir
  4. SAQUES E TRANSFERÊNCIAS VULTUOSAS ESTÃO SENDO FEITOS, EM NOME DE EMPRESAS FANTASMAS, TODA VÉSPERA DE JULGAMENTO DESSES PROCESSOS.

    ResponderExcluir
  5. E os três poderes independentes:

    Se gritar pega ladrão, não fica um meu irmão
    Se gritar pega ladrão, não fica um
    Se gritar pega ladrão, não fica um meu irmão
    Se gritar pega ladrão, não fica um

    Você me chamou para esse pagode,
    e me avisou: "Aqui não tem pobre!"
    Até me pediu pra pisar de mansinho, porque sou da cor,
    eu sou escurinho...
    Aqui realmente está toda a nata: doutores, senhores,
    até magnata
    Com a bebedeira e a discussão, tirei a minha
    conclusão:

    Se gritar pega ladrão, não fica um meu irmão
    Se gritar pega ladrão, não fica um
    Se gritar pega ladrão, não fica um meu irmão
    Se gritar pega ladrão, não fica um

    Lugar meu amigo é a minha Baixada,
    que ando tranqüilo e ninguém me diz nada
    E lá camburão não vai com a justiça, pois não há
    ladrão e é boa a polícia
    Lá até parece a Suécia, bacana, se leva o bagulho e se
    deixa a grana,
    Não é como esse ambiente pesado, que você me trouxe
    para ser roubado....

    Se gritar pega ladrão, não fica um meu irmão
    Se gritar pega ladrão, não fica um
    Se gritar pega ladrão, não fica um meu irmão
    Se gritar pega ladrão, não fica um meu irmão

    ResponderExcluir
  6. Se gritar pega ladrão, não fica um meu irmão
    Se gritar pega ladrão, não fica um
    Se gritar pega ladrão, não fica um meu irmão
    Se gritar pega ladrão, não fica um

    Você me chamou para esse pagode,
    e me avisou: "Aqui não tem pobre!"
    Até me pediu pra pisar de mansinho, porque sou da cor,
    eu sou escurinho...
    Aqui realmente está toda a nata: doutores, senhores,
    até magnata
    Com a bebedeira e a discussão, tirei a minha
    conclusão:

    Se gritar pega ladrão, não fica um meu irmão
    Se gritar pega ladrão, não fica um
    Se gritar pega ladrão, não fica um meu irmão
    Se gritar pega ladrão, não fica um

    Lugar meu amigo é a minha Baixada,
    que ando tranqüilo e ninguém me diz nada
    E lá camburão não vai com a justiça, pois não há
    ladrão e é boa a polícia
    Lá até parece a Suécia, bacana, se leva o bagulho e se
    deixa a grana,
    Não é como esse ambiente pesado, que você me trouxe
    para ser roubado....

    Se gritar pega ladrão, não fica um meu irmão
    Se gritar pega ladrão, não fica um
    Se gritar pega ladrão, não fica um meu irmão
    Se gritar pega ladrão, não fica um


    ResponderExcluir
  7. Estão extorquindo o mineiro, amanhã cai a parcela do fpm, os vereadores já foram avisados que não receberão seus salários amanhã.

    ResponderExcluir
  8. foguetes carne e cerveja

    ResponderExcluir
  9. foguetes carne e cerveja

    ResponderExcluir

O COMENTÁRIO NÃO REPRESENTA A OPINIÃO DO BLOG; A RESPONSABILIDADE É DO AUTOR DA MENSAGEM. OFENSAS PESSOAIS, MENSAGENS PRECONCEITUOSAS, OU QUE INCITEM O ÓDIO E A VIOLÊNCIA, OU AINDA ACUSAÇÕES LEVIANAS NÃO SERÃO ACEITAS. O OBJETIVO DO PAINEL DE COMENTÁRIOS É PROMOVER O DEBATE MAIS LIVRE POSSÍVEL, RESPEITANDO O MÍNIMO DE BOM SENSO E CIVILIDADE.

Usuários on-line


usuários online