"Não há pessoas nem sociedades livres, sem liberdade de expressão e de imprensa”.

ULTIMAS NOTÍCIAS
Carregando...

VICE-PRESIDENTE DA AMMA PUBLICA ARTIGO EM APOIO AO JUIZ JORGE LEITE QUE TEM REPERCUSSÃO NACIONAL

Um artigo intitulado Je suis Jorge, de autoria do vice-presidente da Associação dos Magistrados do Maranhão (AMMA), juiz Marcelo Silva Moreira, que repudia o ato criminoso cometido contra o juiz Jorge Leite e contra o patrimônio do Judiciário, ganhou destaque no cenário nacional.
No texto, Marcelo Moreira destaca que o ato praticado contra o juiz tem a mesma essência praticada contra os cartunistas do periódico francês Charlie Hebdo, com base no ódio e intolerância.
O Fórum da Comarca de Buriti foi incendiado no último dia 20 de janeiro após o juiz Jorge Leite proferir uma sentença. Um pequeno grupo de pessoas insatisfeitas com a decisão invadiu o prédio, ateou fogo e tentou agredir o magistrado.
O juiz Jorge Leite recebeu todo apoio necessário do Tribunal de Justiça, da Associação dos Magistrados e da Corregedoria da Justiça, que instituiu a Portaria 323/2015, alterando para o Fórum da Comarca de Coelho Neto o atendimento e processamento das ações de Buriti para diminuir o prejuízo que a população desta cidade terá em função do ato criminoso.
Veja um pequeno trecho:
Buriti, fruto avermelhado, doce qual melado, saboroso e muito apreciado nesse Brasil multifacetado.
Buriti, município maranhense, pequenino e acanhado, de gente simples e sofrida, que do fruto herdou o nome, mas que agora será lembrado, tal como a majestosa Paris, não como cidade luz ou berço da liberdade, mas como palco triste e sem paz, da barbárie dos incautos.
O terror na invasão do Fórum da Comarca de Buriti, onde o seu juiz titular teve que lutar contra um dos agressores por sua vida, guarda, na essência, o mesmo ódio, a mesma intolerância do massacre aos cartunistas do ‘Charlie Hebdo’, em Paris.”
Assessoria de Comunicação
Corregedoria Geral da Justiça do Maranhão 

asscom_cgj@tjma.jus.brwww.facebook.com/cgjma

0 COMENTÁRIOS:

Postar um comentário

O comentário não representa a opinião do blog; a responsabilidade é do autor da mensagem. Ofensas pessoais, mensagens preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, ou ainda acusações levianas não serão aceitas. O objetivo do painel de comentários é promover o debate mais livre possível, respeitando o mínimo de bom senso e civilidade. O Redator-Chefe deste CORREIO poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.