"Não há pessoas nem sociedades livres, sem liberdade de expressão e de imprensa”.

(1º Princípio da Declaração de Chapultepec)

Visualizações desde 31 de Julho de 2009

COMO VOCÊ AVALIA OS 100 PRIMEIROS DIAS DA GESTÃO NALDO BATISTA?

IMPOSTOS MUNICIPAIS ARRECADADOS PARA BURITI-MA

COMPRE JÁ

COMPRE JÁ

Confraternização da Amib

Confraternização da Amib

quarta-feira, 26 de março de 2014

3

REPÚDIO: EM ATITUDE GROSSEIRA, VEREADOR DE DUQUE ATACA AMBIENTALISTA FRANCISCO CARLOS

Compartilhe:

Print Friendly and PDF


Chegado a Gracinha: vereador Toinho, filho da secretaria de meio ambiente de Duque,  Gracinha,
ataca verbalmente o ambientalista e blogueiro, Francisco Carlos.
Gesto do vereador desconsidera toda atuação do ambientalista e, agora, também, blogueiro Francisco Carlos em prol da APA dos Morros Garapenses.
A truculência do vereador conhecido como Toinho da Gracinha (sic) ocorreu na sessão da última sexta-feira (21) da Câmara Municipal de Duque Bacelar (25 km de Buriti/MA). Leia abaixo a matéria, na íntegra, reproduzida do blog Folha do Garapa.
 VEREADOR TOINHO DA GRACINHA É VISTO COMO DESEQUILIBRADO AO AGREDIR O AMBIENTALISTA FRANCISCO CARLOS MACHADO EM SESSÃO DA CÂMARA
Na última sessão da câmara municipal de Duque, sexta-feira, 21 de março, um grupo de ambientalistas de Duque Bacelar e Coelho Neto, juntamente com técnicos da SEMA-MA, se encontravam no salão de reunião da Câmara Municipal da cidade, onde em audiência a APA dos Morros Garapenses seria homenageado, em alusão aos 5 anos de criação da Unidade, comemorado no mesmo dia.
      O presidente da Câmara de Duque Bacelar, vereador Evaldo abril a sessão agradecendo a Deus e pedindo sua benção, algo que agradou a todos os cristãos presentes. Ele agradeceu aos ambientalistas e os técnicos da SEMA-MA presentes, fazendo menção que todos estavam na sessão para prestar homenagens a APA dos Morros Garapenses. Assim, ele chamou para se pronunciar, o Presidente do CONAMG – Conselho da APA dos Morros Garapenses, o Sr. Inácio Amorim, da Secretária de Estado de Meio Ambiente do Maranhão. Na tribuna com a palavra, Inácio Amorim, que quando Superintendente de áreas protegidos do Maranhão, foi um dos mentores da criação da APA dos Morros Garapenses, fez breve narração das etapas de criação da APA, desde a audiência pública, em 2007, em Duque Bacelar, até  a festa de lançamento da Unidade em março de 2009. Inácio afirmou que a APA dos Morros Garapenses foi a primeira Unidade de Conservação do Estado criada pela mobilização popular, e a mesma tem dito sucesso devido a população participar da gestão da unidade, buscando a implantação de políticas públicas ambientais de forma dialogal com o Estado, com respeito e responsabilidade. Ele afirmou que o Conselho da APA dos Morros Garapenses além de ser uma prova disso, é também um local onde a população com seus segmentos  pode se encontrar e discutir os problemas ambientais locais, em solução conjunta, criando laços responsáveis. Com alegria noticiou também aos vereadores e a população na plateia a doação de um bonito terreno pelo grupo João Santos para a Construção do Centro Administrativo da Unidade, em Duque Bacelar, e da implantação do Plano de Manejo da APA, com data prevista iniciar em Junho deste ano. Inácio Amorim em sua fala fez menção dos esforços do ambientalista Francisco Carlos Machado, e de sua luta abdicada para a APA dos Morros Garapenses.
      Logo em seguida a fala de Inácio Amorim na tribuna, o Presidente da Câmara, convidou o ambientalista Francisco Carlos para falar. O mesmo saudou os vereadores e a plateia, e disse que não somente dele, mas da ABAMA, CONAMG e dos ambientalistas da APA dos Morros Garapenses, era um motivo de satisfação está na sessão da Câmara para homenagear a APA dos Morros Garapenses pelos seus cinco anos. Francisco Carlos descreveu as diversas conquistas que a APA tem favorecido para a população, desde a unidade dos cidadãos envolvidos nos quatros municípios para a solução das suas questões ambientais, até aos grandes eventos e encontros nacionais e mundiais que os ambientalistas tem participado, onde são bem recebidos e ouvidos, alcançando grande respeito pelo trabalho organizado e sincero, tornando conhecida a região pro mundo. O ambientalista falou também que é importante que os vereadores se aproximem mais do CONAMG, defendo até que uma das cadeiras do Conselho, dentro do segmento do poder público, deva pertencer a um dos vereadores dos quatros municípios, pois a APA precisa dialogar com o legislativo da região permanentemente. Explicou também que com o começo da elaboração do Plano de Manejo nos municípios haverá audiências públicas, sendo necessária a participação dos vereadores. Francisco Carlos Machado finalizou sua fala afirmando que vive a luta pelo meio ambiente como parte de sua vocação de vida, algo recomendado por Deus.
Ao terminar suas falas tanto Inácio Amorim, como Francisco Carlos Machado foram aplaudido pela plateia e os vereadores, devido  as informações transmitidos em seus discursos, como bem como colocar uma sessão do legislativo nas comemorações dos cinco anos da APA.      
  Após o pronunciamento dos dois convidados os vereadores foram chamados a Tribuna para fazer seus discursos. A casa se encontrava cheia com todos os vereadores presente, juntamente com a plateia. O primeiro dos vereadores a se pronunciar foi o vereador Luís Marques, o mesmo fez menção da presença dos ambientalistas e técnicas da SEMA, elogiando o ambientalistas Francisco Carlos pelo anos dedicado a questão ambiental. Da mesma forma se pronunciou os vereadores Delsaniro, Carreta, que o sucederam, ambos fazendo menção a presença dos técnicos da SEMA e ao ambientalista Francisco Carlos, elogiando-o pela dedicação a questão ambiental. O terceiro vereador a falar, Raimundinho, disse que admira muito a luta de Francisco Carlos na defesa do meio ambiente, acreditando ser realmente uma vocação, pois ninguém na cidade durante estes anos todos tem se dedicado tanto a questão ambiental. E mesmo sendo incompreendido diversas vezes e agredido, nunca desistiu de sua luta. 
Em seguida o vereador José Júnior, líder da oposição, saudou o Sr. Inácio Amorim, a população na plateia e os pares do legislativo. O mesmo afirmou que as únicas atitudes em prol do meio ambiente em Duque Bacelar é devido a liderança do Francisco Carlos e os ambientalistas da ABAMA. O vereador disse que por parte do Governo municipal nada se faz, existindo até diversos crimes no município que a Secretária Municipal de Meio Ambiente deveria atuar, mas não atua, o que acarreta prejuízos a sociedade. José Júnior disse que a Secretária Gracinha deve ser chamada a casa para se explicar pela inoperância junta a pasta ambiental. O vereador José de Deus com a palavra afirmou que Francisco Carlos é não somente um autêntico cidadão, mas um homem autêntico e de caráter. Tem muitos homens por aí que veste calça, mas são pernas curtas. Francisco Carlos é um homem verdadeiro. E todo homem verdadeiro sempre tem ao seu lado mulheres guerreiras, citando as ambientalistas e companheiras Rosinha, Bernarda e Marly Oliveira, presentes na plateia. 
Logo a pronuncia de José de Deus, foi facultada a fala a vereadora Concita Marques que desejou não se pronunciar. Assim, o vereador Evaldo chamou o vereador Toinho da Gracinha. Esse vereador, ao discursar em nada foi educado com os ambientalistas e técnicos da SEMA presente. Com raiva no falar ele começo agredir o ambientalista Francisco Carlos Machado. Disse que ele é um indivíduo ingrato, que abandona as pessoas que antes juntas a ele, não aceita mais suas ideias, como a mãe dele, e uns rapazes chamados Joel, Junior e Raimundinho, outrora participantes da ABAMA. O vereador disse que não lembraram de seu saudoso pai, Miguel Antero, que foi pra Belém com a ABAMA pro Fórum Social Mundial, e com muita raiva disse que Francisco Carlos mandou uma carta desrespeitando a mãe dele. E que também criticou uma funcionária presente na sessão da Secretaria de Meio Ambiente municipal, que não fazendo nada pelo meio ambiente só fica em casa fazendo crochê. O mesmo com raiva, batendo com as mãos na bancada da Tribuna, atacou também o vereador José Junior, disse que ele tem terras e queria saber que ele cuida ambientalmente desta terra. O mesmo disse se ao vereador se ele quiser participar do Conselho da APA, que faça, pois ele não possui nenhum interesse. Desafiou ao vereador que ele pode sim chamar a mãe dela pra uma sessão da Câmara, e ela saberá se explicar porque nada faz pelo meio ambiente. Após outras críticas injustas ao ambientalista Francisco Carlos, o vereado Toinho terminou sua fala que os técnicos da SEMA, que dão muito apoiou ao ambientalista, devem saber quem realmente é tal rapaz.
A população presente, os ambientalistas e os técnicos da SEMA-MA, ao ouvirem todas as afrontas contra Francisco Carlos, ficaram horrorizados, pois conhecem toda a dedicação dele pelo meio ambiente e a APA dos Morros Garapenses. Saindo para fora do prédio da Câmara, no intervalo do primeiro expediente, o Presidente do CONAMG, Inácio Amorim, achou a postura do parlamentar como “falta de decoro parlamentar”, vendo que o mesmo era um “desequilibrado emocional”. A Consultora da SEMA-MA, Yassodhara Brandão, companheira de anos de Francisco Carlos, desabafou a um grupo de ambientalistas que “este homem critica o Francisco Carlos, mas é a mãe dele que agredi os funcionários da SEMA”. Outra funcionária da SEMA, Lucia, disse que todos os vereadores se comportarem bem, mas só o vereador Toinho que fez coisa errada. Shirley Leão, última Presidente do CONAMG, pediu pra “Francisco Carlos ter cuidado”, pois o vereador demonstrou ser uma pessoa perigosa.
No voltar do segundo expediente da sessão, após discursos de desaprovação do pronunciamento de Toinho da Gracinha contra Francisco Carlos, o vereadores José Junior (que leu uma carta de Francisco Carlos, desmentindo  mentiras ditas pelo vereador Toinho), esse mesmo vereador mais se descontrolou, e começou não somente mais agredir o ambientalista Francisco, que continuou na sessão,  mas como a agredir até os vereadores, chegando a dizer que  a Tribuna da Câmara de Duque Bacelar é “poleiro de galinha“. Todos ficaram jogados com a expressão dele contra a casa. O Vereador Luís Marques ficou tão revoltado diante da agressão aos vereadores, que falando duro e enérgico ao vereador Toinho da Gracinha, disse que se o mesmo estivesse pensando que os demais vereadores eram o Francisco Carlos, que ouviu todas as difamações calado e calmo, estava muito enganado.
Ambientalista, blogueiro, poeta e crítico literário em
pronunciamento de comemoração aos 5 anos da APA.
 Em pronunciamento ao Folha do Garapa, o ambientalista agredido desabafou:

“O descontrole do vereador Toinho da Gracinha contra a minha pessoa não prejudicou a mim, prejudicou somente a ele e a Câmara de Vereadores de Duque Bacelar, pois os funcionários do SEMA, como os ambientalistas da região se sentiram constrangidos na sessão. Estávamos ali para homenagear a APA DOS MORROS GARAPENSES pelos cinco anos de criação, e não para sermos agredidos com palavras caluniosas e mentirosas. Honremos os vereadores em nossa fala considerando a importância de seu trabalho para a população, convidando-os até em participarem do CONAMG. Em nenhum momento ninguém falou ou estava na Tribuna pra falar mal de ninguém.  Ao contrário do vereador “desequilibrado”, que não somente desonrou os convidados na sessão, mas os seus pares e o legislativo local, chamando-o de ‘ poleiro de galinha’ . Isso é muito triste para a Câmara de Vereadores, um poder que deve ser respeitado e valorizado, na defesa da democracia e cidadania da população, o que parece que tal vereador não quer, pois causou escândalo e vergonha a todos pela falta de ética e decoro parlamenta, algo que deve ser analisado, e urgentemente punido suas palavras pornográficas pela Comissão de ética do legislativo local.”  
← Anterior Proxima → Página inicial

3 COMENTÁRIOS:

  1. Francisco Carlos parabenizo pela sua luta, competência e determinação como liderança na defesa dos interesses de Duque Bacelar e da região que integra a APA DOS MORROS GARAPENSES. Obrigada por você dedicar sua vida por causas tão nobres. Em tempo de tanta corrupção e insegurança contar com iniciativas cidadãs, como as que você se dedica, nos faz continuar acreditando 'QUE UM OUTRO MUNDO É POSSÍVEL. Elizabeth Ramos

    ResponderExcluir
  2. When some one searches for his vital thing, thus he/she wants to be available that in detail, therefore that thing is maintained over
    here.

    Feel free to surf to my site: caspsula de slabit
    ()

    ResponderExcluir
  3. Esse viriador precisa urgentemente ser internado, pois provou que não tem sanidade mental.

    Parabéns Francisco Carlos pelo importante trabalho socioambiental que vem desenvolvendo!!!

    ResponderExcluir

O COMENTÁRIO NÃO REPRESENTA A OPINIÃO DO BLOG; A RESPONSABILIDADE É DO AUTOR DA MENSAGEM. OFENSAS PESSOAIS, MENSAGENS PRECONCEITUOSAS, OU QUE INCITEM O ÓDIO E A VIOLÊNCIA, OU AINDA ACUSAÇÕES LEVIANAS NÃO SERÃO ACEITAS. O OBJETIVO DO PAINEL DE COMENTÁRIOS É PROMOVER O DEBATE MAIS LIVRE POSSÍVEL, RESPEITANDO O MÍNIMO DE BOM SENSO E CIVILIDADE.

Usuários on-line


usuários online