"Não há pessoas nem sociedades livres, sem liberdade de expressão e de imprensa”.

(1º Princípio da Declaração de Chapultepec)

Visualizações desde 31 de Julho de 2009

COMO VOCÊ AVALIA OS 100 PRIMEIROS DIAS DA GESTÃO NALDO BATISTA?

IMPOSTOS MUNICIPAIS ARRECADADOS PARA BURITI-MA

COMPRE JÁ

COMPRE JÁ

Confraternização da Amib

Confraternização da Amib

sábado, 11 de janeiro de 2014

2

MOVIMENTO 'ACORDA MARANHÃO' SAI ÀS RUAS CLAMANDO POR SEGURANÇA PÚBLICA DE QUALIDADE

Compartilhe:

Print Friendly and PDF


  Centenas de pessoas saíram às ruas na tarde desta sexta-feira (10) para clamar por mais segurança em nossa cidade. O movimento Acorda Maranhão voltou às ruas novamente devido aos recentes eventos que resultou num caos e na grave crise no sistema de segurança pública do estado exposta internacionalmente. A sociedade civil organizada exige e clama por ajuda, por melhores condições de vida e mais segurança para todos.
A manifestação teve a concentração em frente à Biblioteca Benedito Leite na Praça Deodoro, Centro de São Luís. Com faixas e palavras de ordem, a sociedade saiu em passeata pelas ruas do Centro Comercial. E deve se concentrar em frente ao Palácio dos leões, sede do Governo.
Cansados de tanta violência a sociedade pede uma resposta do governo do estado por essas ondas de violência contra a população que nada tem a ver com o colapso que se formou em torno do sistema carcerário do estado.
No último dia (3/1) ônibus foram incendiados, delegacia metralhada, policial morto e quatro pessoas inocentes vítimas de queimaduras. A menina Ana Clara uma das vítimas veio a óbito na última segunda-feira (6), sua mãe e irmã de apenas um ano e cinco meses também sofreram queimaduras. A mãe Juliane foi transferida ontem (9) para um hospital em Brasília. Além de Márcio da Cruz, 37 anos, com 72% do corpo queimado (transferido para o estado de Goiás) e Abyancy Silva Santos, 35 com 10% do corpo queimado.
Pautas de reivindicações:

1 - Renovação da cúpula da SSP (Secretaria de Segurança Pública) que não consegue administrar e nem diminuir a criminalidade, limitando-se a emitir notas e discursos vazio e de pouco impacto real comandado pelo secretário Aluísio Mendes.
2 - Reestruturação imediata do sistema carcerário estadual. Somente um sistema que realmente recupere os apenados, poderá devolver à sociedade pessoas prontas ao convívio social. Pelo fim da superlotação, mistura de presos e insalubridade nos presídios.
3 - Expansão e reestruturação da Polícia Militar, que hoje convive com o dilema da vontade de trabalhar x falta de estrutura, evidenciado nos últimos ataques à corporação.
4 - Intervenção Federal. A PGR (Procuradoria Geral da República) se mostrou favorável à intervenção federal no Maranhão e agora só resta à decisão do STF (Supremo Tribunal Federal) para que o estado sofra a intervenção.

← Anterior Proxima → Página inicial

2 COMENTÁRIOS:

  1. Rai Pablo11/1/14 01:37

    Mais que necessário essa intervenção, moro na Austrália e antes de eu saber das noticias pelos parentescos e amigos, me vem minha professora natural daqui com horrorosas noticias de meu estado. E ainda tenho que tentar explicar isso pra meus conterrâneos de pais de outros estados do Brasil as mazelas que assolam o Maranhão fruto de uma família oligárquica que so piora a política do estado como um todo...

    ResponderExcluir
  2. A Seghurança Pública não Maranhão não existe com igualdade,isso acontece porque estamos com defiencia de material humano que não tem compromisso com a sociedade em geral.São Policiais que encresaram na polícia sem vocação e sim porque estavam desempregado.Após efetivado no cargo publico começam a introduzir em seu orçamento as chamadas e conhecidas "PROPINAS",em dinheiro,gasolina,capão, cerveja, etc. Nesse caminho enveredam uma parte da banda podre da polícia como podemos exemplificar aqui em Buriti, temos um sargento "FLORISMAR BATISTA COSTA", que toda população e autoridades sabem que é desonesto mas não punem, porque o mesmo se humilha e puxa saco de todos, então essa amizade gera impunidade e só prende uma minoria que não lhe locopleta com propinas. NO sentido geral em quase todas as cidades do maranhão e do Brazil existem policiais (bandidos) como esse que citamos. é por isso que o Estado do MAranhão, chegou ao fundo do poço, que não dar segurança nem para os presos que estão sendo mortos e degolados como se no Brasil tivesse pena de morte, se o Estado do Maranhão não está dando seguraça nem para os presos imagine para os soltos, porque existe policiais safados e desonestos como esse citado.

    ResponderExcluir

O COMENTÁRIO NÃO REPRESENTA A OPINIÃO DO BLOG; A RESPONSABILIDADE É DO AUTOR DA MENSAGEM. OFENSAS PESSOAIS, MENSAGENS PRECONCEITUOSAS, OU QUE INCITEM O ÓDIO E A VIOLÊNCIA, OU AINDA ACUSAÇÕES LEVIANAS NÃO SERÃO ACEITAS. O OBJETIVO DO PAINEL DE COMENTÁRIOS É PROMOVER O DEBATE MAIS LIVRE POSSÍVEL, RESPEITANDO O MÍNIMO DE BOM SENSO E CIVILIDADE.

Usuários on-line


usuários online