"Não há pessoas nem sociedades livres, sem liberdade de expressão e de imprensa”.

(1º Princípio da Declaração de Chapultepec)

Visualizações desde 31 de Julho de 2009

Conferência de Mulheres da Assembleia de Deus em Buriti-MA

COMO VOCÊ AVALIA OS 100 PRIMEIROS DIAS DA GESTÃO NALDO BATISTA?

IMPOSTOS MUNICIPAIS ARRECADADOS PARA BURITI-MA

Charles Crispim na Balada Fight - Edição Tatto

sábado, 10 de setembro de 2011

1

NUMA VIRADA ESPETACULAR, AVB QUEBRA INVENCIBILIDADE E FATURA A COPA JENILSON GOUVEIA.

Compartilhe:

Print Friendly and PDF


Num jogo disputadíssimo, tenso e acirrado, com amplo apoio da torcida e a presença do homenageado, o AVB quebra invencibilidade, após dois anos, sobre a equipe Volta Redonda de Duque Bacelar e, de virada, consagra - se campeão da 1º Copa Jenilson Gouveia na manhã do último dia 04/09.

Apesar do clima de festa entre as equipes, era visível entre os jogadores e principalmente no técnico Zé Ernandes, do AVB, a ansiedade para o início da partida e a necessidade da vitória sobre o Volta, especialmente pela invencibilidade, mas também por estar jogando em casa com toda a torcida a favor.
Em entrevista ao Correio, o capitão do time e autor do gol da virada, Evaldo, revelou toda pressão sofrida pela equipe e principalmente do técnico, que vinha sofrendo desgaste junto à torcida e, até mesmo em casa, não deixou de ser pressionado pela vitória. A ordem era vencer ou vencer.
O Jogo O clima de rivalidade imperou desde o início da partida, com o Volta Redonda partindo forte para cima do AVB, e este demonstrou nervosismo e pouca coordenação técnica em campo durante praticamente todo o primeiro tempo, fato evidenciado pelo próprio técnico do AVB que durante o intervalo afirmou que “o time não estava se encaixando nas posições corretas, e eu acho que o nervosismo não é diferente” e que esperaria o segundo tempo para melhorar o jogo. Tanta pressão do Volta resultou em um gol, aos 22min10s do 1º tempo, depois de um ataque errado do AVB. A equipe de Buriti tentava uma reação e a torcida já começava as cobranças, quando o jogador Bobô (16), aos 26min30s, faz um belo gol do meio do campo.  1 a 1 foi o placar ao encerrar o 1ª tempo. No início do segundo tempo os papéis se inverteram com o AVB pressionando o Volta Redonda, até que aos 17min38s, o artilheiro Evaldo (19) vira o jogo num lindo gol após o passe do Chico da Curica (14) [ouça abaixo a fala do capitão do AVB sobre a vitória]. A partir daí o jogo ficou mais acirrado e aos 20min o Volta tem o jogador Chico Doido (13) expulso por agredir verbalmente o árbitro.  Ao soar o apito final a festa tomou conta do campo e muita alegria seguiu-se com a vitória por 2 a 1 contra um adversário tradicional de Buriti.
video
A escalação das equipes
AVB: Titulares - Alessandro Veras (1), Alan Borges (15), Toinho Francês, Antônio Francisco, Ênio (20), Chico da Curica (14), Evaldo (19). Reservas: Marivaldo (2), Edilson (8), Pirola (13), Tadeu (9), Bobô (16), Pedro (07).


Volta Redonda: Titulares – Bebeto (1), Lola (10), Major (9), Canário (3), Batista (8), Dedê (7), Bernardo (6). Reservas: Carlito (2), Militão (5), Manoel (11), Chico doido (13), Henrique (4).



O Rival A tradição em disputar e vencer finais contra Buriti tornou a missão do treinador do Volta Redonda delicada. Principalmente porque o duelo Buriti versus Duque Bacelar se tornou um “superclássico”. Abaixo veja as principais declarações do técnico Rogério, do Volta redonda, após a final da partida:
“Não existe favorito, só fora de campo, dentro de campo é de igual para igual”.
“A gente jogou bem, acho até que jogamos melhor que eles”.
“Futebol é isso, tivemos muitas oportunidades, bola na trave, ela não quis entrar. Vamos esperar a próxima oportunidade para a gente enfrentar de novo.”
As Autoridades Presentes - Secretário de administração de Buriti e homenageado, Jenilson Gouveia; secretário de esporte de Buriti, Helitan; coordenador de cultura e dono da Produtora Theos Produções, Teo; coordenador de vigilância, Otamar; Secretário de esporte de Duque Bacelar, Sr Janari; e presidente da Câmara de vereadores de Duque, Vereador Toinho.
A Torcida – a presença dos torcedores do AVB foi um dos pontos chaves de estímulo para que os jogadores superassem a ansiedade e o tabu de dois anos sem vitória sobre Duque Bacelar. A empolgação da torcida está bem expressa no vídeo abaixo, onde o torcedor e ex-goleiro da seleção de Buriti, Raimundinho Suzana, desabafa após a vitória no “superclássico”.
O Homenageado 
 O secretário de administração e finanças de Buriti, Jenilson Gouveia, foi o grande homenageado do torneio que levou seu nome, a 1ª Copa Jenilson Gouveia, principalmente pela sua dedicação ao longo dos seus sete anos de serviços prestados a população de Buriti, que rendeu, nas palavras do organizador do evento, Alex Borges, o título de “um dos melhores administradores da região” e que tem se dedicado como poucos aos interesses de Buriti mesmo “trabalhando dentro dos limites e restrições”. De acordo com Alex, muitas críticas pela escolha do nome de Jenilson não se sustentam, pois o secretário sempre contribuiu para continuidade do trabalho social que a Associação de Veteranos de Buriti vem desempenhando na cidade, e que os membros da entidade e aqueles que a acompanham de perto sabem a profunda ajuda e apreço que seu Jenilson tem dedicado à Associação. O presidente da Associação e técnico do AVB, Zé Ernandes, em sua fala agradece a contribuição do secretário de administração e também do Prefeito Neném Mourão por todo o apoio a Associação de Veteranos de Buriti. Zé Ernandes destacou ainda que desde quando o secretário chegou a Buriti sempre apoiou a Associação e foi a entidade quem decidiu pela homenagem ao secretário Jenilson. O secretário de esporte de Buriti, Helitan, afirmou também que “hoje o Jenilson Gouveia é um cidadão buritiense” e que para muitos “é um profissional que faz um ótimo trabalho”, além de agradecer a Associação em nome do prefeito Neném Mourão, que não pode participar da final da Copa. Ainda segundo Helitan “Jenilson Gouveia é o Cara”. Abaixo ouça um trecho da fala do secretário Jenilson, onde ele demonstra toda satisfação em ter sido escolhido para homenagem da Associação de Veteranos de Buriti.
Patrocinadores do evento: Comercial Bom Preço, MK Oliveira, Elimar Lages, Eletro Onda, Edilson Antero, Loja São Francisco, Sorveria Lages, Theo Produções, Correio Buritiense, Prefeito Neném Mourão  e secretário Jenilson Gouveia (homenageado)
Colaboradores de toda a competição: Prefeito Neném Mourão e secretário Jenilson Gouveia.
Organização: Associação de Veteranos de Buriti (AVB)
Abaixo fotos da final da Copa Jenilson Gouveia



Da esquerda para direita: Otamar, Helitan, Jenilson Gouveia e Alan Borges

Capitão Evaldo caiu na dança após vitória gloriosa




← Anterior Proxima → Página inicial

1 COMENTÁRIOS:

  1. esse é o EVALDO q conheço ai tem as manhas de da entrevista, parabens né por mais uma iniciativa tomada pela AVB e a prefeitura nada!!!!!!!!!!!!!!

    ResponderExcluir

O COMENTÁRIO NÃO REPRESENTA A OPINIÃO DO BLOG; A RESPONSABILIDADE É DO AUTOR DA MENSAGEM. OFENSAS PESSOAIS, MENSAGENS PRECONCEITUOSAS, OU QUE INCITEM O ÓDIO E A VIOLÊNCIA, OU AINDA ACUSAÇÕES LEVIANAS NÃO SERÃO ACEITAS. O OBJETIVO DO PAINEL DE COMENTÁRIOS É PROMOVER O DEBATE MAIS LIVRE POSSÍVEL, RESPEITANDO O MÍNIMO DE BOM SENSO E CIVILIDADE.

Usuários on-line


usuários online