ULTIMAS NOTÍCIAS
Carregando...

BANDIDOS INVADEM CIDADE PARANAENSE, ATACAM POLÍCIA E MORADORES RELATAM NOITE DE TERROR

Vídeos publicados nas redes sociais mostram barulhos de tiros e veículos incendiados; alvo era empresa de transporte de valores PROFORTE, mas PM diz que grupo não conseguiu executar o roubo.
Assalto em Guarapuava (PR) (Foto: Reprodução)

De acordo com reportagem do Estadão, uma quadrilha com cerca de 30 integrantes fortemente armados invadiu o município de Guarapuava, no interior do estado do Paraná, fez reféns e trocou tiros com a Polícia Militar, durante ataque a uma empresa de valores, entre a noite de domingo 17/4 e a madrugada desta segunda-feira 18/4. Três pessoas, entre elas dois policiais militares, ficaram feridas. Os criminosos incendiaram veículos para bloquear acessos e atacaram o Batalhão da PM. Os reféns foram obrigados a formar um cordão humano em frente à empresa de valores.
 
Moradores relataram ainda que os bandidos atiraram contra postes e transformadores de energia para deixar a cidade às escuras.

Depois da ação dos criminosos, tanques blindados circularam pela cidade. Confira:
 

Conforme o comandante do 16º Batalhão, coronel Joas Marcos Carneiro Lins, a ação durou cerca de três horas e o alvo era a empresa Proforte, que não chegou a ser roubada. Segundo ele, os criminosos fugiram sem conseguir executar o assalto que tinham planejado.


Cidades do interior têm sido alvo do 'novo cangaço'


A ação de quadrilhas especializadas em grandes assaltos é conhecida nos meios policiais como "novo cangaço". O termo faz referência aos bandos itinerantes que atacavam quartéis e roubavam instituições financeiras em pequenas cidades do sertão nordestino, entre os séculos 19 e 20.

Este novo tipo de cangaço também ocorre no Maranhão, o que levou o governo do Estado, em 2015, a criar o Comando de Sobrevivência em Área Rural (Cosar), com aulas práticas e teóricas, entre elas, tiro tático, SQB (Combate de Ambiente Confinado), técnica de abordagem, tiro pessoal, ações antibomba, operações policiais especiais, invasões táticas com explosivos, primeiros socorros, patrulha e antiterrorismo.

0 COMENTÁRIOS:

Postar um comentário

O comentário não representa a opinião do blog; a responsabilidade é do autor da mensagem. Ofensas pessoais, mensagens preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, ou ainda acusações levianas não serão aceitas. O objetivo do painel de comentários é promover o debate mais livre possível, respeitando o mínimo de bom senso e civilidade. O Redator-Chefe deste CORREIO poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.


BIOLAB - Rua Antônio Pereira Mourão, em frente ao HTB(Clínica)

PAINEL DO LEITOR - COMENTÁRIOS