!-- PLUGIN BARRA DE COOKIES -->
ULTIMAS NOTÍCIAS
Carregando...

Coluna SEXTA DE NARRATIVAS - SEM SER POETA, AMO A POESIA

Muitos já disseram que um poeta é um ser que vê e sente o que os outros não conseguem ver nem sentir. Tem capacidade de exteriorizar a sua alma, os seus sentimentos, espargindo sua sensibilidade, toca os sentimentos das pessoas ao expor sua sensibilidade. Capta os diminutos toques e o sussurrar do Universo. É um ser humanamente divinal. Definitivamente não sou poeta. Tenho Mente, Coração e Alma cheios de sentimento. Assim:

ANGÚSTIA...

Angústia de ter e não te poder ter,

De te abraçar e não poder te apertar,

De dormir contigo e de não te ver à  luz,

De ouvir tua voz  e não  sentir teu hálito,

De acordar contigo e não te acompanhar os passos,

De saber que és minha e  estais  com outro,  que não  existe,

Angústia de ouvir teu riso e só poder gravá-lo na minha mente,

De tocar teus lábios e não poder beijá-los,

De tomar tuas mãos  e não poder senti-las,

De dançar contigo a linda  valsa e não  sair na foto,

De viver contigo e não partilhar tua vida,

De ver o teu dolorido pranto e não enxugar-te as lágrimas,

Angústia de amar-te e querer-te tanto e não  me entregar a ti,

De não poderes entregar-te a mim,

Porque ficastes num longínquo passado,

Transformada numa lembrança  amável,

De um amor puro, que o vento e  o tempo,

Insistem em afastar de mim e, 

Cruelmente, te deram o nome de ETERNA ANGÚSTIA!

 

TORTURA

Noite chuvosa insistente e fria,

Cama e lençol amigos,

Lembrança amável, silenciosa madrugada,

Ela estava longe,

Cidade em calmaria,

Eu não dormi,

Sonhei acordado.

 

NATAL DO MENINO

É noite de Luz quando tudo o que reluz

É e vale mais que ouro

Diamante ou qualquer pedra preciosa

É emoção forte, alegria vinda  da Cruz

É Jesus

 

Transformado no Menino Deus

Com bênçãos para todos os humanos crentes e também ateus

 

Vinde meu e da humanidade REDENTOR 

Quase toda perdida

Envolta na discórdia

E no desamor

 

Salvai-nos mais uma vez

Mostrai o rumo a seguir

Aos esquecidos

Da trilha verdadeira que

Nos leva ao porvir

 

Onde moram o perdão,

A glória e a harmonia

Dentro da alma e no recôndito

Mais profundo, o coração.

 

Já vislumbro a estrela do Oriente a cintilar no firmamento

Apontando a Manjedoura

Maria, José, os reis Magos

Gente cheia de contentamento

Vinde meu Senhor e meu DEUS.

 

SONHOS

Buscando minha amada

Em uma noite fria

Com passos vacilantes

Olhar fixo no bravio mar

Vibrando a maré cheia

 

Desenhei a imagem dela

Brilhante igual a uma estrela

Flamejante e intensa

Parecia celestial

Um canto em poesia

Vi você no meio da lua

 

Sentia ainda o sabor

Daquele beijo antigo

Feliz eu fiquei

Querendo mais e mais

 

Encontrei você

No firmamento em meio às estrelas

Entre as sombras noturnas

Dos verdejantes coqueirais na quietude

 

Eu a queria devotadamente

Envolver em um abraço o seu corpo

Dançar ao som da nossa música preferida

Totalmente embevecidos

 

Afaguei você suavemente

O corpo estava quente

O coraçãozinho saltitante a dizer

Eu te amo

Eu sou tua

Acordeeeeeeeeei ...

SOBRE O AUTOR

É buritiense, ardoroso amante da sua terra, deu seus primeiros passos no velho Grupo Escolar Antônia Faria, cursou o Ginásio Industrial na Escola Técnica Federal do Maranhão e Científico no Liceu piauiense e no Liceu maranhense, bacharelou-se em Direito pela Faculdade de Direito/UFMA, é advogado inscrito na OAB/MA, ativo, Pós-graduado em Direito Civil, Direito Penal e Curso de Formação de Magistrado pela Escola de Magistrados do Maranhão, Delegado de Polícia Civil, Classe Especial, aposentado, exerceu todos os cargos de comando da Secretaria de Segurança Pública do Maranhão, incluindo o de Secretário. Detesta injustiça de qualquer natureza, principalmente contra os pobres e oprimidos, com trabalho realizado em favor destes, inclusive na Comarca de Buriti.

3 comentários: Leave Your Comments

  1. esse ai e mais um prefeito bananeira so 4 ano na marra.

    ResponderExcluir
  2. Amigo Djalma, o amor é a principal inspiração até nas noites frias, principalmente nelas, quando o pensamento se aquece com lembranças da amada que está distante.

    ResponderExcluir

O comentário não representa a opinião do blog; a responsabilidade é do autor da mensagem. Ofensas pessoais, mensagens preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, ou ainda acusações levianas não serão aceitas. O objetivo do painel de comentários é promover o debate mais livre possível, respeitando o mínimo de bom senso e civilidade. O Redator-Chefe deste CORREIO poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.


Odonto Company Buriti - Rua da Bandeira, nº 25, salas 10 e 11, Centro.

BIOLAB - Rua Antônio Pereira Mourão, em frente ao HTB(Clínica)

PAINEL DO LEITOR - COMENTÁRIOS RECENTES