"Não há pessoas nem sociedades livres, sem liberdade de expressão e de imprensa”.

ULTIMAS NOTÍCIAS
Carregando...

BOLSONARO ATACA CONGRESSO NACIONAL COM CONVOCAÇÃO PARA ATO DE 15/3; RODRIGO MAIA REAGE AO AUTORITARISMO E PEDE "RESPEITO ÀS INSTITUIÇÕES DEMOCRÁTICAS"



O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), manifestou-se nesta quarta-feira 26/2 sobre o compartilhamento, feito pelo presidente Jair Bolsonaro, do vídeo com convocação para ato contra o Congresso Nacional no próximo dia 15.  "Só a democracia é capaz de absorver sem violência as diferenças da sociedade e unir a Nação pelo diálogo. Acima de tudo e de todos está o respeito às instituições democráticas. Criar tensão institucional não ajuda o país a evoluir. Somos nós, autoridades, que temos de dar o exemplo de respeito às instituições e à ordem constitucional. O Brasil precisa de paz e responsabilidade para progredir", escreveu o deputado no Twitter numa nota contemporizadora. 
VEJA:

Líderes políticos como o os ex-presidentes Lula, Fernando Henrique, Dilma e o presidente nacional da OAB já manifestaram repúdio ao ato de Bolsonaro em convocar manifestação contra instituições democráticas por compartilhamento de vídeos nas redes sociais.
O jornalista Reinaldo Azevedo apontou crime de responsabilidade cometido por Jair Bolsonaro, que chamou apoiadores às ruas para o dia 15 de março contra o Congresso Nacional. "Jogar a tigrada contra o Congresso, como faz também o general Augusto Heleno, não é um crime autônomo, certo? A sua conexão com o que faz Bolsonaro está mais do que evidenciada", escreveu ele em sua coluna publicada no site Uol.
"Mais uma vez, chamo à memória de vocês o que dispõe o Artigo 2º da Lei 1.079: Art. 2º Os crimes definidos nesta lei, ainda quando simplesmente tentados, são passíveis da pena de perda do cargo, com inabilitação, até cinco anos, para o exercício de qualquer função pública, imposta pelo Senado Federal nos processos contra o Presidente da República ou Ministros de Estado, contra os Ministros do Supremo Tribunal Federal ou contra o Procurador Geral da República", acrescenta.
*Com informações da Folha/Brasil247

0 COMENTÁRIOS:

Postar um comentário

O comentário não representa a opinião do blog; a responsabilidade é do autor da mensagem. Ofensas pessoais, mensagens preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, ou ainda acusações levianas não serão aceitas. O objetivo do painel de comentários é promover o debate mais livre possível, respeitando o mínimo de bom senso e civilidade. O Redator-Chefe deste CORREIO poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.

Brasil 24/7

CartaCapital