"Não há pessoas nem sociedades livres, sem liberdade de expressão e de imprensa”.

Prefeitura Municipal de Buriti

RESPLANDES TRANSPORTES - Viagens Diárias

RESPLANDES TRANSPORTES - Viagens Diárias

VENDE-SE UMA FAZENDA - CLIQUE AQUI E SAIBA MAIS

ULTIMAS NOTÍCIAS
Carregando...

CONSELHEIROS TUTELARES DE BURITI (MA) TOMAM POSSE PARA O MANDATO DE QUATRO ANOS (2020-2023)


 Na manhã de ontem, sexta-feira 10/1, foi realizada a cerimônia de posse dos cinco novos conselheiros tutelares, eleitos por meio de voto popular em outubro do ano passado. Conduzida pelo Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente (CMDCA), com o apoio da Prefeitura de Buriti, a solenidade aconteceu no CAP (Centro de apoio Pedagógico). Estiveram presentes o prefeito municipal, vereadores e autoridades municipais, além da população.
 Os novos conselheiros terão a missão de garantir os direitos e deveres relativos às crianças e adolescentes de Buriti, para que sejam preservados e pautados de acordo com o Estatuto da Criança e Adolescente (ECA) e legislações correlatas.
O mandato de quatro anos ocorrerá de 2020 a 2023. Os cinco novos conselheiros tutelares empossados são: Jaime da Conceição, Elusa Pereira, Thamiris da Silva, Kelton Veras, Francisca Thamires e as suplentes, Yara Caroline e Franciane de Sousa.
O prefeito Naldo Batista comentou sobre o trabalho do Conselho Tutelar no município de Buriti: “Toda a equipe envolvida para a realização deste processo de eleição e os cinco conselheiros eleitos estão de parabéns. Agora é trabalhar em defesa do maior patrimônio de nosso município, a criança. Sei que competência não falta”.
Da SECOM/Publipost

Um comentário: Leave Your Comments

  1. Pena que estes conselheiros foram eleitos com compra de.votos dinovo. Ou seja o dinheiro público para proteger os proprios gestores sao apenas marionetes de prefeitos e vereadores nenhum tem respaudo para bater de frente com o sistema...

    ResponderExcluir

O comentário não representa a opinião do blog; a responsabilidade é do autor da mensagem. Ofensas pessoais, mensagens preconceituosas, ou que incitem o ódio e a violência, ou ainda acusações levianas não serão aceitas. O objetivo do painel de comentários é promover o debate mais livre possível, respeitando o mínimo de bom senso e civilidade. O Redator-Chefe deste CORREIO poderá retirar, sem prévia notificação, comentários postados que não respeitem os critérios impostos neste aviso ou que estejam fora do tema proposto.