"Não há pessoas nem sociedades livres, sem liberdade de expressão e de imprensa”.

(1º Princípio da Declaração de Chapultepec)

Visualizações desde 31 de Julho de 2009

COMO VOCÊ AVALIA OS 100 PRIMEIROS DIAS DA GESTÃO NALDO BATISTA?

IMPOSTOS MUNICIPAIS ARRECADADOS PARA BURITI-MA

sábado, 25 de novembro de 2017

4

EM AÇÃO CONJUNTA, POLICIA CIVIL E PM CAPTURAM FORAGIDO DA COMARCA DE BURITI ACUSADO DE PRATICAR ESTUPRO DE VULNERÁVEL

Compartilhe:

Print Friendly and PDF


Na última quarta-feira 22, foi deflagrada uma operação conjunta entre a Polícia Civil e a Polícia Militar para realizar a captura de um foragido da Comarca de Buriti/MA, acusado do cometimento do crime de estupro de vulnerável (Art. 217-A, §1º, do Código Penal Brasileiro). 
O Delegado de Polícia Civil de Buriti, Dr. Josemar Rocha, juntamente com a equipe do Grupo de Serviço Avançado (GSA) do 16º Batalhão de Polícia Militar de Chapadinha, deslocaram-se até o povoado Centro dos Monteles, município de Mata Roma/MA (46 km de Buriti/MA), local onde foi efetuada a prisão de ANTONIO EDILUZ CARVALHO DE PAULA MASCARENHAS, conhecido como “ANTONIO CAETANO”, 41 anos.
Segundo investigações da Polícia Civil do Maranhão, “ANTÔNIO CAETANO” manteve relações sexuais com uma jovem de 29 anos, deficiente mental, parente dele. Em decorrência do estupro, a jovem engravidou, sendo necessário realizar o aborto humanitário, ocasião em que o feto foi entregue na Delegacia de Buriti, de onde foi encaminhado ao Instituto Médico Legal de Timon/MA (IML/Timon) para coleta de material orgânico.
Durante seu interrogatório, “ANTÔNIO CAETANO” confessou ter mantido relação sexual com a jovem na época em que trabalhou na casa dela. Nesta sexta-feira 24, Ele foi conduzido até o Instituto de Criminalística de Timon/MA para coleta de material orgânico. Agora a perícia forense da Polícia Civil vai fazer o confronto genético entre o material coletado no acusado e o material retirado do feto.

No momento, “ANTÔNIO CAETANO” se encontra preso na carceragem da Delegacia de Polícia Civil de Buriti, aguardando vaga no sistema prisional do Estado do Maranhão.
← Anterior Proxima → Página inicial

4 COMENTÁRIOS:

  1. Parabéns a Polícia de Buriti

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Canalha mata inocente e agora não mostra cara, covarde . Este país deveria ter fuzilamento.

      Excluir
  2. Quantas mulheres são vítimas dessa situação? Cuidado pais,professores,meninos e meninas tenham cuidado com 'alguns'qyw dizem ser apararentemente amigos,pessoas de confiança. Temos muitos abutres e tarados nos lugares menos esperados.Fui vítima de abuso ainda quando criança. E não tive coragem de denunciar até hoje sofro consequências. Não se calem.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Com certeza. É preciso que todos assumam seu papel de zelar pelas crianças e adolescentes, evitando um trauma dessa natureza, o que pode reverberar por toda a existência da vítima. Infelizmente esse tipo coisa, só tem é aumentado. Não se calem.

      Excluir

O COMENTÁRIO NÃO REPRESENTA A OPINIÃO DO BLOG; A RESPONSABILIDADE É DO AUTOR DA MENSAGEM. OFENSAS PESSOAIS, MENSAGENS PRECONCEITUOSAS, OU QUE INCITEM O ÓDIO E A VIOLÊNCIA, OU AINDA ACUSAÇÕES LEVIANAS NÃO SERÃO ACEITAS. O OBJETIVO DO PAINEL DE COMENTÁRIOS É PROMOVER O DEBATE MAIS LIVRE POSSÍVEL, RESPEITANDO O MÍNIMO DE BOM SENSO E CIVILIDADE.

Usuários on-line


usuários online