"Não há pessoas nem sociedades livres, sem liberdade de expressão e de imprensa”.

(1º Princípio da Declaração de Chapultepec)

Visualizações desde 31 de Julho de 2009

COMO VOCÊ AVALIA OS 100 PRIMEIROS DIAS DA GESTÃO NALDO BATISTA?

IMPOSTOS MUNICIPAIS ARRECADADOS PARA BURITI-MA

Confraternização da Amib

Confraternização da Amib

quarta-feira, 28 de setembro de 2016

4

BURITI-MA RECEBERÁ FORÇA FEDERAL PARA REFORÇAR SEGURANÇA DAS ELEIÇÕES MUNICIPAIS

Compartilhe:

Print Friendly and PDF


TSE aprovou nessa terça-feira (27) envio de Força Federal para eleições em 44 cidades do MA. Pedido foi apresentado pelo Tribunal Regional Eleitoral do Maranhão. Reforço foi aprovado devido a disputas entre grupos políticos locais.
O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) aprovou, na noite dessa terça-feira (27), o envio de força federal para 44 cidades maranhenses, entre elas Buriti-MA, para reforçar a segurança das eleições municipais deste ano. No começo de setembro, o TRE-MA solicitou reforço. São eles: Amarante do Maranhão, Araioses, Água Doce do Maranhão, Arame, Bacuri, Barra do Corda, Fernando Falcão, Benedito Leite, Bequimão, Bom Lugar, Buriti, Buriticupu, Bom Jesus das Selvas, Cajari, Carolina, Codó, Coelho Neto, Coroatá, Cururupu, Guimarães, Lago da Pedra, Matinha, Olinda Nova do Maranhão, Mirador, Sucupira do Norte, Passagem Franca, Buriti Bravo, Penalva, Pinheiro, Pedro do Rosário, Presidente Sarney, Santa Helena, Turilândia, Santa Luzia, Santa Luzia do Paruá, Santa Rita, São José de Ribamar, São Luís, São Raimundo das Mangabeiras, Sambaíba, São Vicente Férrer, Tuntum, Tutóia e São Mateus.
De acordo com o TSE, os pedidos de força federal para os municípios do Maranhão foram aceitos em razão das disputas acirradas entre grupos políticos locais – como as que ocorreram nas eleições gerais de 2010 e 2014; e nas eleições municipais de 2008 e 2012.
No caso da capital maranhense, o pedido aprovado foi para que as tropas federais atuem em todas as zonas eleitorais da cidade de São Luís e São José de Ribamar.
No pedido de força federal para estes 44 municípios, o TRE-MA argumentou ser de “conhecimento geral que o processo eleitoral no país inteiro tem acarretado, com significativo aumento nos últimos pleitos, disputas acirradas entre grupos políticos locais que não raro desencadeiam episódios de violência ora contra eleitores, ora contra esta Justiça especializada, seu patrimônio, juízes e servidores.
O Estado do Maranhão não foge à regra, de modo que tanto nas eleições gerais de 2010 e 2014, quanto nas eleições municipais de 2008 e 2012, foram verificadas ocorrências de tumultos e manifestações de desordem que tinham por único objetivo prejudicar o bom andamento dos trabalhos e gerar um ambiente de insegurança institucional.
Ressalte-se, ainda, que o processo eleitoral municipal, por envolver forças políticas locais, cuja proximidade com o cidadão se dá por via direta, no âmbito cotidiano, torna a disputa pelos cargos eletivos mais contundentes, fato que deve ser controlado pela Justiça Eleitoral. Ademais, cabe destacar que a quantidade de municípios para os quais foram solicitados o envio de Força Federal de Segurança denota a grande preocupação dos juízes eleitorais com a boa execução das eleições de outubro próximo, notadamente no que diz respeito à garantia da paz social e ao livre exercício do voto”.
ELEIÇÃO EM NÚMEROS
Neste ano, 4.611.247 maranhenses poderão participar do processo eleitoral, segundo dados atualizados do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). A pesquisa também apontou que houve uma redução de 115.383 eleitores para este pleito em relação à 2014, quando o número de eleitores era de 4.495.864.
Segundo o TSE, a justificativa é que outras 29 cidades passaram pelo recadastramento biométrico. Com isso, o número de eleitores tende a cair devido a transferências de domicílio, mortes, idade apenas para voto facultativo, entre outros.
Os eleitores na faixa etária entre 25 e 29 anos também são a maioria, representado 12,29% das pessoas aptas a votar no Maranhão. São Luís segue sendo a cidade com o maior número de eleitores, totalizando 659.779. Imperatriz tem o segundo maior eleitorado, com 151.858 eleitores. O primeiro turno das eleições 2016 ocorre no dia 2 de outubro, das 8h às 17h.
← Anterior Proxima → Página inicial

4 COMENTÁRIOS:

  1. É BOM MESMO PORQUE AQUI TEM MUITO INCEDIADORES DE FÓRUM

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oh, endiabrado, é bom mesmo a policia federal estar aqui, pois tem um presidiário solto através de habeas corpos que estar subindo no palanque pedindo mais uma chance para continuar roubando o dinheiro da EDUCAÇÃO E DA MERENDA ESCOLAR, O DINHEIRO DA SAÚDE, O DINHEIRO DA INFRAESTRUTURA, O DINHEIRO PARA SEGURANÇA, ENFIM, ACHO QUE ISSO JÁ CALA A SUA BOCA DE VASO SANITÁRIO PÚBLICO.

      Excluir
  2. Kkkkkkkk;kkkkkkkkk.falou tudo anónimo.muito cuidado.kkkkkkkkkkk.

    ResponderExcluir
  3. Melhor ainda. Pois aqui tem uma família que acha que prefeitura é herança, ou seja faz de tudo pra continuar na gestão.

    ResponderExcluir

O COMENTÁRIO NÃO REPRESENTA A OPINIÃO DO BLOG; A RESPONSABILIDADE É DO AUTOR DA MENSAGEM. OFENSAS PESSOAIS, MENSAGENS PRECONCEITUOSAS, OU QUE INCITEM O ÓDIO E A VIOLÊNCIA, OU AINDA ACUSAÇÕES LEVIANAS NÃO SERÃO ACEITAS. O OBJETIVO DO PAINEL DE COMENTÁRIOS É PROMOVER O DEBATE MAIS LIVRE POSSÍVEL, RESPEITANDO O MÍNIMO DE BOM SENSO E CIVILIDADE.

Usuários on-line


usuários online