"Não há pessoas nem sociedades livres, sem liberdade de expressão e de imprensa”.

(1º Princípio da Declaração de Chapultepec)

Visualizações desde 31 de Julho de 2009

COMO VOCÊ AVALIA OS 100 PRIMEIROS DIAS DA GESTÃO NALDO BATISTA?

Buritiense na disputa de MMA Nacional

IMPOSTOS MUNICIPAIS ARRECADADOS PARA BURITI-MA

sábado, 13 de agosto de 2016

0

POLÍCIA CIVIL PRENDE SUSPEITOS DE ASSALTOS E EXPLOSÕES DE BANCOS NO MARANHÃO

Compartilhe:

Print Friendly and PDF


Grupo foi preso na cidade de Poção de Pedras, a 354 km de Buriti-MA. Para SSP, eles assaltaram a agência bancária de Vitorino Freire.
A Polícia Civil, por meio das Superintendências Estaduais de Investigações Criminais (Seic), apresentou, nessa sexta-feira (12), quatro pessoas presas no município Poção de Pedra (MA), na região Médio Mearim, a 354 quilômetros de Buriti-MA, sob suspeitas de integrarem uma quadrilha interestadual especializada em explosão de caixas eletrônicos e cofres de instituições financeiras.
O resultado da ação policial foi divulgado em entrevista coletiva, realizada na sede da Secretaria Estadual de Segurança Pública (SSP), em São Luís. Entre os presentes, o delegado-geral Lawrence Melo, e a subdelegada-geral de Polícia Civil, Adriana Amarante.
A ação que levou a prisão da quadrilha teve a participação dos seguintes órgãos da Seic: Grupo Resposta Tática (GRT) e dos Departamentos de Combate de Roubo à Carga (DCRC) e a de Combate a Roubo às Instituições Financeiras (DCRIF).
Durante a operação foram presos Edi Carlos de Lima, de 39 anos, e Evandro Vieira Lima, 30 anos, os dois da cidade de Caraúbas (RN); Mario Silva Santos, 33 anos, de Carira (SE); e Maria de Jesus Rodrigues de Sousa, 26 anos, de Poção de Pedras.
Na ação, foram apreendidos dois fuzis calibres 7.62 e 5.56; uma metralhadora 40; duas escopetas calibre 12; uma pistola 9 mm; mais de 200 munições de diversos calibres, além de 15 bananas de dinamite, oito metros de cordel detonante; balas clava e R$ 50.650,00.
De acordo com o delegado titular da Seic, Tiago Bardal, essa organização criminosa, que possui ramificações no Maranhão e em outros estados, é suspeita de assalto a agencia do Banco do Brasil no município de Vitorino Freire, crime ocorrido na quarta-feira (10). “Desde essa noticia, equipes do GRT, DCRC e DCRIF se dirigiam para a localidade no encalço dessa quadrilha”.
Tiago Bardal, disse que o grupo comandado por Edi Carlos é responsáveis por atos criminosos, também, em Mato Grosso, Sergipe, Rio Grande do Norte e Alagoas. Existem fortes indícios que apontam o envolvimento deles no assalto as agencias Lago da Perda e em Colinas, no dia 10 de fevereiro deste ano, quando uma pessoa veio a óbito.
Lawrence Melo informou que as ações do sistema de segurança estão cada vez efetivas no combate às ações criminosas. “É mais uma quadrilha desarticulada aqui no Maranhão; mais ação onde obtivemos significativa apreensão de armas longas, explosivos e uma farta munição. Isso é para darmos a certeza à comunidade do trabalho que estamos fazendo e, também, para os criminosos que insistam em atuar aqui no Maranhão, pois eles terão a reprimenda necessária, rápida e efetiva das forças do estado e, dessa forma, continuaremos” assegurou.
O chefe do DCRIF, Luís Jorge, afirmou que o órgão já identificou sete integrantes da organização criminosa. “O nosso trabalho é prender, através da ação conjunta com Alagoas, Piauí e Rio Grande do Norte, os demais integrantes. Todos eles irão responder pelos crimes de associação criminosa, roubo, concurso de pessoa, porte de arma e explosão” disse.
← Anterior Proxima → Página inicial

0 COMENTÁRIOS:

Postar um comentário

O COMENTÁRIO NÃO REPRESENTA A OPINIÃO DO BLOG; A RESPONSABILIDADE É DO AUTOR DA MENSAGEM. OFENSAS PESSOAIS, MENSAGENS PRECONCEITUOSAS, OU QUE INCITEM O ÓDIO E A VIOLÊNCIA, OU AINDA ACUSAÇÕES LEVIANAS NÃO SERÃO ACEITAS. O OBJETIVO DO PAINEL DE COMENTÁRIOS É PROMOVER O DEBATE MAIS LIVRE POSSÍVEL, RESPEITANDO O MÍNIMO DE BOM SENSO E CIVILIDADE.

Usuários on-line


usuários online