"Não há pessoas nem sociedades livres, sem liberdade de expressão e de imprensa”.

(1º Princípio da Declaração de Chapultepec)

Visualizações desde 31 de Julho de 2009

COMO VOCÊ AVALIA OS 100 PRIMEIROS DIAS DA GESTÃO NALDO BATISTA?

IMPOSTOS MUNICIPAIS ARRECADADOS PARA BURITI-MA

domingo, 5 de abril de 2015

1

QUATRO DETENTOS SÃO 'RESGATADOS' NO COMPLEXO DE PEDRINHAS, NO MARANHÃO

Compartilhe:

Print Friendly and PDF


Munidos de fuzis AK 47, os homens estacionaram três veículos em frente ao Complexo de Pedrinhas e atiraram contra o presídio e a base da Polícia Militar do Maranhão
* Com informações do estadao.com e do Blog do Luís Cardoso

Guarita do presídio foi cravada de balas 
Reprodução/ Atual7

Por volta das 4h10 da madrugada deste domingo (5), homens fortemente armados invadiram e dispararam tiros contra Pedrinhas, principal presídio do Maranhão. O objetivo da ação criminosa foi resgatar quatro detentos.
Munidos de fuzis AK 47, os homens estacionaram três veículos em frente ao Complexo de Pedrinhas e atiraram contra o presídio e a base da Polícia Militar do Maranhão. Um posto da Polícia Rodoviária Federal (PRF), a menos de 1 km do presídio, também foi alvo dos ataques. No momento, havia seis policiais em atividade, e um foi atingido no pé. Segundo a PRF, ele passa bem.
A informação do ataque foi confirmada pelo superintendente da Polícia Rodoviária Federal no Maranhão, inspetor Antônio Roberto, que afirmou, também, que a PRF está à procura dos homens, assim como os homens do Batalhão de Choque. 
De acordo com informações do blog do Luís Cardoso, os quatro presos resgatados do Complexo Penitenciário de Pedrinhas, em ação cinematográfica, são integrantes da facção criminosa PCC – Primeiro Comando da Capital.
Os resgatados são Hilton Carlos Martins, John Lennon da Silva, John Carlos Campos Silva e Adeilton Alves Nunes.
Um deles, John Lennon da Silva, conhecido no mundo do crime como “Cara de Cavalo”, já havia fugido de Pedrinhas, e voltou às grades no final de agosto do ano passado, após ser presos por policiais militares Rondônia. Ele possui uma extensa ficha criminal, participando de mais de 15 assaltos às agências bancárias em diferentes Estados, tendo um deles ocorrido em abril de 2014, quando em companhia de mais dois comparsas invadiu uma agência do Banco do Brasil no município de Passagem Franca, levando mais de R$ 200 mil.
Já John Carlos Campos Silva, conhecido como “Perninha”, é dos três recapturados dos 36 detentos que fugiram por um buraco feito por uma caçamba no muro do Centro de Detenção Provisória (CDP) do Complexo Penitenciário de Pedrinhas, em setembro do ano passado.
Por meio de sua assessoria, a secretaria estadual de Segurança diz não possuir informações sobre o caso, que estava sob responsabilidade da secretaria estadual de Justiça e Administração Penitenciária. Esta, por sua vez, ainda não repassou informações sobre o ocorrido.
A Secretaria de Administração Penitenciária publicou uma nota na tarde deste domingo (5):
NOTA-ADMINISTRAÇÃO PENITENCIÁRIA

A Secretaria de Estado da Administração Penitenciária (Sejap) e a Secretaria de Segurança Pública (SSP) confirmam que:
- Por volta das 4h dessa madrugada, 5 de abril, o Complexo Penitenciário de Pedrinhas foi alvo de forte ataque externo de oito bandidos usando vários veículos fuzis e pistolas, do que resultou o resgate de quatro detentos do Centro de Detenção Provisória.
- Os detentos resgatados são Adeilton Alves Nunes, Ilton Carlos Martins, John Lennon da Silva Lima e John Carlos Campos Silva.
- Meia hora depois da operação, um dos veículos usados pelos bandidos já havia sido localizado e apreendido pela Policia Militar com apoio do GTA e da Polícia Rodoviária Federal.
- Dada a gravidade do episódio, a SSP e a SEJAP seguem com o empenho integral de suas equipes na operação de captura.
São Luís, 5 de abril de 2015
Murilo Andrade
Secretário de Estado da Administração Penitenciária
Jefferson Portela
Secretário de Estado de Segurança Pública
← Anterior Proxima → Página inicial

1 COMENTÁRIOS:

  1. Anônimo6/4/15 21:19

    Segurança zero!Bando de frouxos,sem moral a segurança,correndo com medo dos bandidos,aqui Buriti nunca vão explodir as bocas de fumo porque tem medo.até ladrão de celular toca o terror.

    ResponderExcluir

O COMENTÁRIO NÃO REPRESENTA A OPINIÃO DO BLOG; A RESPONSABILIDADE É DO AUTOR DA MENSAGEM. OFENSAS PESSOAIS, MENSAGENS PRECONCEITUOSAS, OU QUE INCITEM O ÓDIO E A VIOLÊNCIA, OU AINDA ACUSAÇÕES LEVIANAS NÃO SERÃO ACEITAS. O OBJETIVO DO PAINEL DE COMENTÁRIOS É PROMOVER O DEBATE MAIS LIVRE POSSÍVEL, RESPEITANDO O MÍNIMO DE BOM SENSO E CIVILIDADE.

Usuários on-line


usuários online