"Não há pessoas nem sociedades livres, sem liberdade de expressão e de imprensa”.

(1º Princípio da Declaração de Chapultepec)

Visualizações desde 31 de Julho de 2009

COMO VOCÊ AVALIA OS 100 PRIMEIROS DIAS DA GESTÃO NALDO BATISTA?

IMPOSTOS MUNICIPAIS ARRECADADOS PARA BURITI-MA

quinta-feira, 9 de outubro de 2014

12

REVIRAVOLTA NA ELEIÇÃO DA CÂMARA: Vereador Jorge abandona chapa da oposição na última hora e alia-se aos vereadores da base governista para ser eleito presidente.

Compartilhe:

Print Friendly and PDF


Mesa diretora eleita ( esq. p/ direita): Damin (2º secretário), Rosin (1º secretário), Jorge ( presidente) e Renato Barros(vice presidente)
A Câmara de vereadores escreveu na última sessão da sexta-feira, 03 de outubro, mais um capítulo de sua obscura história. Na eleição da nova Mesa Diretora, que para ocorrer foi necessário, inclusive, que seis vereadores (4 oposicionistas e 2 governistas rebelados) acionassem a justiça, aconteceu de tudo: de negociatas a debandada.
O bloco da oposição registrou no dia anterior a votação (quinta-feira 03) duas chapas para o pleito:  numa das chapas os nomes eram os vereadores Benedito Caetano (presidente), Vanusa Flora (vice), Jorge (1º secretário) e Francisca do Cabé (2º secretário); na outra, a composição era muito parecida, trocando apenas o nome da vereadora Francisca pelo de Renato Barros, que segundo a oposição seria uma forma de angariar mais um voto para chapa e vencer sem muito trabalho.
Momentos antes do início da sessão, quando os seis vereadores
ainda estavam unidos e prometendo assim irem até o fim.

Até então, os aliados governistas, em franca desvantagem, não haviam apresentado nenhuma chapa consensual e limitaram-se a fazer negociações e concessões que envolveriam até mesmo agraciamentos aos oposicionistas. Eles também contavam ainda com um recurso de apelação à decisão do TJ/MA. Mas não veio.
O CORREIO acompanhou as articulações do grupo oposicionistas na Câmara para seguir unido e vencer as eleições.
Durante a sessão,momento de articulação da oposição frente a ofensiva governista para desuni-la.
O bloco, já por volta das 10h, definiu que manteria a unidade e acordaram em manter a chapa Benedito-Vanusa-Jorge-Francisca, que excluía o nome de Renato Barros ante a possibilidade deste vereador, eventualmente, tentar anular a eleição com a alegação de não ter autorizado sua inclusão na chapa (explica-se: não havia assinatura dos membros na própria chapa).
Diante de uma iminente derrota, a base governista tentou uma ofensiva para desarticular a oposição. E aqui, podem ter certeza, leitores, as oferendas e negociatas não seguiram nenhum rito ético. Algumas talvez até impublicáveis e que nunca virão à tona (porque não serão reveladas por aqueles que delas participaram).
Uma das tentativas foi persuadir o vereador Sargento Vagner a não votar para empatar a votação e, assim, pelo critério de desempate de idade, Laudelino Mendes poderia ser reeleito. O vereador mantendo a tese da união do grupo oposicionista não aceitou.
Foi então que os governistas articularam um plano de risco: propor ao vereador Jorge que encabeçasse a chapa governista e teria os 5 votos o que, com o dele, seria suficiente para elegê-lo presidente da Câmara para o biênio 2015-2016.
A operação começou quando o vereador Jorge foi chamado para sala da presidência para acertar detalhes com os governistas. A reunião se deu em sala fechada e o Correio Buritiense não teve acesso. Cerca de 20 minutos depois, Jorge adentra a sala da sessão e anuncia aos seus colegas oposicionistas que lhe fora ofertada a presidência. Demonstrando certo nervosismo e dúvidas sobre aceitar ou não, iniciou - se uma discussão com Vanusa Flora que insistia que se tratava de uma manobra para quebrar a união da oposição. Ambicionando a presidência da Câmara, o vereador Jorge disse que não se venderia para homem nenhum e que teria que pensar também nele. A briga foi a o pano de fundo para que Jorge tomasse a decisão de registrar a chapa com os governistas. (Ouça abaixo a discussão e o momento da tomada de decisão)

Não só os vereadores da oposição, mas também os populares presentes ficaram atônitos no momento em que ele abandona a sua chapa, construída ao longo de meses, e se alia à situação para ser presidente da Casa Legislativo de Buriti.
Certamente foi uma decisão que gerou muitas dúvidas quanto ao que teria levado a essa mudança de rumos. Embora se saiba que todos artifícios, reuniões, propostas e ofertas foram feitas para os seis vereadores a fim de que um deles passasse para base, (fontes dão conta de que as ofensivas chegariam a 100 mil reais), o vereador Jorge negou de forma veemente ter se vendido para o lado do prefeito. Concorde-se ou não com sua posição, o fato é que ele foi eleito presidente somente com os votos dos aliados do prefeito. Foram 6 a 5. Este placar seria justamente o mesmo caso ele estivesse se mantido na chapa da oposição, só que com uma diferença, o presidente seria o vereador Benedito Caetano, que até pouco tempo era aliado de primeira linha do prefeito.
Assistam abaixo o momento em que os governistas decretam abertamente apoio ao vereador Jorge:


Cabe destacar aqui um fato importante. Desde que foi eleito vereador com uma votação expressiva de mais de mil votos, Jorge do Sindicato nunca escondeu que almeja voos mais altos em sua carreira política. Ser escolhido para presidir a Câmara, sem dúvidas, faz parte desse seu projeto. Agora, de outro lado, temos que nos questionar até que ponto os compromissos políticos e alianças formadas num grupo (como foi o caso das discussões da sucessão da Câmara) podem ser sacrificados em favor de um projeto pessoal. Ao que tudo indica foi isso que aconteceu.
Se há algo de positivo nesta eleição (e há) está no fato de que dessa vez houve divisão clara de duas bases na Câmara, diferentemente da primeira eleição do biênio 2013-2014, onde a atual mesa havia sido eleita com 10 votos favoráveis, incluindo toda oposição.
Quanto à estratégia do ex-prefeito de influir para desarticular a oposição e salvar o próprio pescoço quando da análise de suas prestações de contas, sistematicamente reprovadas pelo Tribunal de Contas, o tiro pode sair pela culatra. O vereador Jorge sempre proclamou ser oposição e independente na Câmara. O ex-prefeito deve pôr o bigode (na ausência de barba) de molho, pois com Jorge presidente da Casa e mais 5 oposicionistas embaixo tudo pode acontecer. Jorge fez questão de esclarecer aos estarrecidos e decepcionados com a decisão que tudo não passou de estratégia individual sua. Quem viver verá!
VEJA MAIS IMAGENS DA TENSA SESSÃO

















← Anterior Proxima → Página inicial

12 COMENTÁRIOS:

  1. E o naldo e o povo achando q foi tudo uma estratégia politica,o jorge e um tremendo de um ambicioso ... Paguem pra ver nas próximas eleições teremos evandro mourao prefeito e jorge do sindicato vice .... Nenem tem mesmo q abrir uma faculdade pra ensinar esse povo a fazer politica .. Naldo ta longe ainda d entender o q e a politica !!!

    ResponderExcluir
  2. JORGE DO SINDICATO DEVE SE CHAMAR DAQUI PRA FRENTE É JORGE DA SANTA CRUZ! PORQUE NO MOVIMENTO SINDICAL SÓ TEM HOMEM DE CARÁTER E PALAVRA E NÃO DE DUAS CARAS. FOI ELEITO PRESIDENTE DA CÂMARA COM OS VEREADORES DO GOVERNO E DIZ QUE É OPOSIÇÃO, VOCÊ ACREDITA?

    ResponderExcluir
  3. o cara virou foi a camisa.... quem manda nas votação e a mesa diretora, ou seja renato, Damin e Rosin. sabendo desse detalhe por que ele aceitou ser presidente, se não vai ter nenhuma autonomia de decisão na mesa diretora. detalhe o benedito e a Andreia já voltaram pra casa do governo.
    outro detalhe. se ele foi eleito presidente e estar na oposição, porque que nenhum vereador da oposição votou nele. esse cabeça seca vez foi se vender.

    ResponderExcluir
  4. JORGE DA SANTA CRUZ TEVE SEU PRIMEIRO EMPREGO DADO PELO SEU PAI DE CRIAÇÃO O ANTONIO FLORA , QUE FOI TRAÍDO VARIAS VEZES PELO O MESMO ATRAPALHANDO SEU CRESCIMENTO POLITICO NO MUNICÍPIO , A FAMÍLIA FLORA SE DIVIDIU PARA APOIAR A VEREADORA VANUSA FLORA E VEREADOR JORGE, E VEJA QUEM ELE AJUDOU NESSAS ELEIÇÃO PARA DEPUTADO! O GRUPO DO NALDO BATISTA. QUE JUNTOS TORCERAM PARA DERROTAR ANT FLORA , MESMO COM UM GRUPO PEQUENO O FLORA PROVOU NAS URNAS QUE CAMINHA SEM O JORGE VAI FAZER A DIFERENÇA EM 2016 ,

    ResponderExcluir
  5. Vergonha Jorge! a você o povo buritiense depositou a esperança em mudar um pouco essas mazelas que se a lastrão em nosso município, você se bandiar para o lado de lar, só vem a nos mostra que estávamos errado em vota em você. Se você estava almejando a prefeitura mais a frente, sinto muito em dizer que você deu um tiro no pé ao fazer isso, com essa atitude interesseira você apenas finalizou sua carreira politica em nosso município, nem pra vereador você ganha mais! aproveite esses mandato na câmara como presidente . o povo não gosta de ser enganado jorge...

    ResponderExcluir
  6. Flávio Dino9/10/14 14:28

    Que em suas decisões, ele não pense somente em si, mas no povo, também .

    ResponderExcluir
  7. kynha vasconcelos9/10/14 14:51

    Eu, aqui não acredito que o Jorge tenha feito uma indiotisse dessa de se vender. Eu acho que ele é homem de mais pra se vender.

    ResponderExcluir
  8. É. REALMENTE ESSES SÃO OS NOSSOS REPRESENTANTES LEGISLATIVOS (ESTAMOS MORTOS), É DE PARAR PARA PENSAR NO NOSSO FUTURO COM ESSES POLÍTICOS QUE TEMOS, CHEGA A SER UMA VERGONHA PARA NOSSO BURITI, NÃO TERMOS UM POLITICO DE CORAGEM PARA FAZER ALGUMA COISA PELO MUNICÍPIO. NÃO VÊ CONVERSA DO VEREADOR (PRESIDENTE) JORGE (PRIMEIRO PENSOU NA AMBIÇÃO DELE). QUE DEU NOS AJUDE.

    ResponderExcluir
  9. ESSA ESTRATÉGIA RIDÍCULA DO NENÉN E DO LAUDELINO SÓ VAI DAR PREJUÍZOS PRA ELES POLITICAMENTE. O JORGE É OPOSIÇÃO DO PREFEITO. É A MESMA COISA NO ZÉ VILAR NA ÉPOCA QUE ERA PREFEITO COLOCAR O NENÉM OU O MOURÃO PAI COMO PRESIDENTE DA CÂMARA. IA SE LASCAR MAIS DO JÁ TÁ.

    ResponderExcluir
  10. Ambição pura esse jorge nunca me enganou..cara de pau Antônio flora ajudou muito esse cara hoje ele tá air vereador mais se o povo for esperto ele não se reelege pois o que ele fez foi traição o algumas pessoas criticam a vereadora vanuza e Antônio flora mais eles estão sempre juntos brigando pelo direitos dos buritienses ..Jorge vc vai perder ou melhor ja perdeu a confiança de muita gente ..

    ResponderExcluir
  11. A Vergonha da alta cúpula do Legislativo Muniicipal de Buriti-MA.Observe que pelas personagens (vereadores) estamos mal 'REPRESENTADOS" no parlamento Municipal por pessoas de mal indole e incompetentes se comportam como 'RATOS" ,pois ' RATOS" são partilhando interesses proprios.Estando estes larápios não discutindo nada em prol da sociedade que autorgaram Poder a estes mecenários.

    ResponderExcluir
  12. COMO TINHA COMENTADOS ANTES NESTE BLOG, SOBRE EVANDRO MOUÃO JORGE DO SINDICATO E PROCRECIO MOURÃO. O acordo feito entre o Jorge foi esse, pra ser o vice de seu grupo, sendo se Evandro mourão não podendo se candidata seria com Procrecio Mourão

    ResponderExcluir

O COMENTÁRIO NÃO REPRESENTA A OPINIÃO DO BLOG; A RESPONSABILIDADE É DO AUTOR DA MENSAGEM. OFENSAS PESSOAIS, MENSAGENS PRECONCEITUOSAS, OU QUE INCITEM O ÓDIO E A VIOLÊNCIA, OU AINDA ACUSAÇÕES LEVIANAS NÃO SERÃO ACEITAS. O OBJETIVO DO PAINEL DE COMENTÁRIOS É PROMOVER O DEBATE MAIS LIVRE POSSÍVEL, RESPEITANDO O MÍNIMO DE BOM SENSO E CIVILIDADE.

Usuários on-line


usuários online