"Não há pessoas nem sociedades livres, sem liberdade de expressão e de imprensa”.

(1º Princípio da Declaração de Chapultepec)

Visualizações desde 31 de Julho de 2009

COMO VOCÊ AVALIA OS 100 PRIMEIROS DIAS DA GESTÃO NALDO BATISTA?

IMPOSTOS MUNICIPAIS ARRECADADOS PARA BURITI-MA

terça-feira, 5 de março de 2013

2

64 MUNICÍPIOS MARANHENSES TÊM REPASSES SUPENSOS DO PROGRAMA SAÚDE DA FAMÍLIA (PSF)

Compartilhe:

Print Friendly and PDF



Ao todo 64 municípios  maranhenses deixarão de receber a transferência de dinheiro por parte do Ministério da Saúde para os programas Saúde da Família e Saúde Bucal. Foi bloqueado também o pagamento de agentes comunitários de saúde que apresentaram duplicidade no Sistema de Cadastro Nacional de Estabelecimentos de Saúde.
Os municípios maranhenses estão entre os 479 em todo o Brasil que tiveram os repasses suspensos pelo Ministério da Saúde nesta segunda-feira (4), por apresentar irregularidades no cadastro de profissionais no Sistema de Cadastro Nacional de Estabelecimentos de Saúde (SCNES).
Os agentes quebraram a regra para cadastramento de profissionais de saúde. Eles são proibidos de acumular mais de dois cargos ou empregos públicos e de se cadastrar em mais de uma equipe do programa. Segundo o ministério, as equipes são responsáveis pelo acompanhamento de um número definido de famílias em uma comunidade; atuam na promoção da saúde, prevenção, recuperação e reabilitação de doenças, e na manutenção da saúde das comunidades.
Além dos 64 municípios do Maranhão, mais 415 cidades brasileiras apresentaram irregularidades. Elas estão divididas da seguinte forma: quatro do Acre, oito de Alagoas, cinco do Amazonas, um do Amapá, 75 da Bahia, 40 do Ceará, cinco do Espírito Santo, sete de Goiás, 62 de Minas Gerais, quatro de Mato Grosso do Sul, 12 de Mato Grosso, 19 do Pará, 22 da Paraíba, 35 de Pernambuco, 13 do Piauí, 20 do Paraná, nove do Rio de Janeiro, 15 do Rio Grande do Norte, um de Rondônia, dois de Roraima, 13 do Rio Grande do Sul, 13 de Santa Catarina, 13 de Sergipe, nove de São Paulo, e oito do Tocantins.
VEJA A RELAÇÃO DOS MUNICÍPIOS MARANHENSES QUE TIVERAM OS REPASSES SUSPENSOS:

Alcântara
Altamira do Maranhão 
Araioses
Axixá
Bacabal
Bacabeira
Bacuri
Bacurituba
Bela Vista do Maranhão 
Bom Jardim 
Cantanhede
Capinzal do Norte 
Central do Maranhão 
Centro Novo do Maranhão
Cidelândia
Codó
Coroatá
Cururupu
Formosa da Serra Negra 
Fortuna
Governador Archer 
Governador Nunes Freire 
Graça Aranha 
Grajaú
Guimarães
Igarapé do Meio 
Junco do Maranhão 
Lago Verde 
Matinha
Milagres do Maranhão
Miranda do Norte 
Mirinzal
Monção
Olinda Nova do Maranhão
Paço do Lumiar 
Palmeirândia
Pedreiras
Pedro do Rosário 
Penalva
Peritoró
Pindaré-Mirim
Pinheiro
Pirapemas
Porto Franco 
Presidente Dutra 
Rosário
Santa Helena 
Santa Inês 
Santo Amaro do Maranhão 
São Domingos do Maranhão 
João Batista 
São João do Carú 
São João do Paraíso 
São José de Ribamar 
São José dos Basílios
São Luís 
São Mateus do Maranhão 
São Pedro da Água Branca 
São Vicente Ferrer 
Tuntum
Tu r i l â n d i a 
Vila Nova dos Martírios 
Vitória do Mearim 
Zé Doca 

← Anterior Proxima → Página inicial

2 COMENTÁRIOS:

  1. Anônimo5/3/13 06:34

    É um milagre de Buriti tambem não ser suspenso, aqui tem coisa errada.

    ResponderExcluir
  2. Anônimo6/3/13 18:04

    A saude de Buriti ta acabada. é hora de mudança.....

    ResponderExcluir

O COMENTÁRIO NÃO REPRESENTA A OPINIÃO DO BLOG; A RESPONSABILIDADE É DO AUTOR DA MENSAGEM. OFENSAS PESSOAIS, MENSAGENS PRECONCEITUOSAS, OU QUE INCITEM O ÓDIO E A VIOLÊNCIA, OU AINDA ACUSAÇÕES LEVIANAS NÃO SERÃO ACEITAS. O OBJETIVO DO PAINEL DE COMENTÁRIOS É PROMOVER O DEBATE MAIS LIVRE POSSÍVEL, RESPEITANDO O MÍNIMO DE BOM SENSO E CIVILIDADE.

Usuários on-line


usuários online